Análise das questões do desporto e, em especial do futebol, feita por António Castro, agora mais distante dos centros de decisão, ao contrário do que aconteceu durante 40 anos ao serviço do extinto «Mundo Desportivo» e do «Diário de Notícias»

Quarta-feira, 14 de Novembro de 2012
Selecção deixa má imagem no Gabão

Paulo Bento procurou disfarçar o desolador rendimento da selecção ao afirmar: «Mais do que o resultado fica a observação dos jogadores.»

Esta equipa de segunda linha, frente a um Gabão igualmente desfalcado, transmitiu péssima imagem do valor do futebol português e nada acrescentou ao conhecimento das qualidades dos jogadores.

Sobressaíram apenas os defeitos, expressos no deficiente entrosamento, na falta de velocidade, a impedir uma vitória sobre um adversário em que o seu treinador, o português Paulo Duarte, também se viu forçado a abdicar das principais figuras.

Assim sendo, qual a vantagem de uma deslocação a terras de clima muito diferente daquele em que se disputam os últimos jogos de qualificação para o Mundial do Brasil.

O dinheiro assegurado pela presença em África foi o única vantagem. Portugal acrescentou ao seu palmarés uma nota negativa - terceiro jogo sem vencer, após a derrota na Rússia e o empate com a Irlanda do Norte.

Viagem e jogo para esquecer.



publicado por António Castro às 23:00
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 7 de Setembro de 2012
Sexta-feira negra

Há dias em que os portugueses não deviam acordar!

Ouvir notícias como aquelas que o Governo anunciou só podem provocar uma reacção: revolta. 

Assistir também pela televisão, e poucos minutos depois - que coincidência! - a um jogo da selecção de Portugal tão pobre em termos de exibição só trazem tristeza.

Conclusão: Paulo Bento safou-se de boa; os portugueses que trabalham e aqueles que já deram o seu contributo ao País que paguem a conta.

Não há pachorra para aturar isto...

 



publicado por António Castro às 23:45
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 5 de Julho de 2010
Alvalade continua sem bússola

O Sporting, ainda não se entrou em nova época, e começa a ser notícia pela negativa. Não importa de quem será a culpa, mas o presidente José Eduardo Bettencourt e Costinha tinham prestado um grande serviço ao clube se ficassem calados antes de seguirem para França, onde se inicia o estágio de preparação da prometedora equipa de futebol.

De lamentar que o presidente, durante alguns anos a apaparicar João Moutinho, o considerasse agora uma «maça podre» e um mau capitão. Esses defeitos só podem ter acontecido por contágio em Alvalade.

O director desportivo, relator dos acontecimentos que conduziram ao divórcio entre clube e jogador, teve mais uma frase infeliz.

«Que não se aleije», foram os votos desejados a Moutinho pelo «competente» - segundo se considerou quando entrou no Sporting - Costinha.

Palavras que em nada abona a sua formação como homem, nem o perfil para o desempenho das suas funções.



publicado por António Castro às 23:53
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 15 de Junho de 2010
Basta de palhaçadas

A vitória sobre Moçambique em jogo de preparação na África do Sul deixou toda a gente ligada à selecção tranquila. Marcaram-se três golos (pelo menos dois foram ofertas do adversário) e Danny, na lado esquerdo, pareceu o elemento ideal para colmatar o ausência de Nani.

Enfim, depois da pobre exibição e empate com Cabo Verde e o também pouco meritório êxito sobre os Camarões, criou-se a ideia que qualquer selecção africana que aparecesse no caminho tinha o caminho traçado.

Com estes testes muita gente minimizou o valor da selecção da Costa do Marfim, tanto mais que havia a esperança de Drogba ficar no banco dos suplentes.

Perante tanta confiança, começou por surpreender os receios revelados pela manobra inicial da  equipa portuguesa, muito cautelosa nos sectores recuados e pouco ambiciosa e sem velocidade na movimentação atacante.

Carlos Queirós terá caído numa armadilha. Acreditou naqueles que enalteciam o valor de alguns futebolistas da Costa do Marfim, mas concluíam ser tradição nunca atingirem nível aceitável como equipa, por falta de espírito de entreajuda. E, mais do que isso, menosprezou a capacidade do sueco Sven-Goran Eriksson transmitir alguma coesão àquela «família desavinda» em tão pouco tempo.

Equívocos sucessivos não permitem sequer apresentar desculpas relacionadas com a relva, o barulho das vuvuzelas ou a utilização de Drogba com uma protecção no braço, cuja utilização a FIFA deixou ao critério do árbitro. Agora soam a falso todo o tipo de desculpas.

Da mesma forma que a reacção de Deco ao desempenho de missões que considera não se adaptarem às suas características deveriam ser discutidas em devido tempo com o treinador e no balneário.

Estão criadas as condições, portanto, para a terceira selecção do ranking da FIFA começar a despachar a bagagem desnecessária para Lisboa, deixando o Brasil, Coreia do Norte e Costa do Marfim resolverem entre eles o acesso aos oitavos-de-final.



publicado por António Castro às 23:53
link do post | comentar | favorito

Sábado, 20 de Março de 2010
Não há pachorra!

Com jogos ou em dia de treinos, o futebol português é uma tristeza.

Cenas pouco edificantes, entre adeptos ou  jogadores acontecem com demasiada frequência nos últimos tempos, seja fora do estádios, nas bancadas, nos relvados ou nos túneis de acesso aos balneários, quando apenas se tolerava que fosse a bola a única coisa a ser «maltratada».

Nos restantes dias, os gestores, dos mais diversos níveis hierárquicos, do negócio chamado futebol proporcionam, através da palavra - ou por falta de diálogo -, situações também nada edificantes.

Alguns clubes surgem nos noticiários, não pela luta de títulos, apenas por decisões precipitadas, ocorrência de casos insólitos, discursos inflamados contra ocasionais adversários, declarações contraditórias e atitudes que dispensam adjectivação,  dado ser suficientemente óbvia.

Nos últimos dias, então, grandes «espectáculos» foram oferecidos àqueles que se rebolam com as fífias dos «inimigos».

 



publicado por António Castro às 23:54
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2010
Leões perdem mais uma garra

A exibição foi pobre. O meio-campo não controla o adversário, nem impõe a sua vontade. O ataque não tem bolas aproveitáveis e quando tal acontece os avançados falham o alvo. A aquisição - seria eufemismo chamar reforço - de Inverno chamada Pongolle continua a ser uma desilusão.

Conclusão: o Sporting ofereceu mais dois pontos a um adversário. Desta vez o premiado foi o Paços de Ferreira. Nestas condições, há muitas esperanças de outros 11 participantes da Liga serem contemplados. 

Perante estas realidades amargas, o treinador Carlos Carvalhal, elogia a entrega dos jogadores de Alvalade. Não será obrigação dos elementos do plantel lutar até ao último segundo?

Basta de insistir nas banalidades, que nem sequer são inéditas entre os responsáveis leoninos, mesmo os que já saíram. 



publicado por António Castro às 23:50
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12

14
15
17
18
19
20

21
23
25
26
27

28
29
30


artigos recentes

Selecção deixa má imagem ...

Sexta-feira negra

Alvalade continua sem bús...

Basta de palhaçadas

Não há pachorra!

Leões perdem mais uma gar...

arquivos

Junho 2015

Outubro 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

tags

académica(19)

adeus(12)

alterações(8)

alvalade(25)

apuramento(17)

arbitragem(26)

arsenal(8)

barcelona(25)

belenenses(12)

benfica(196)

bento(13)

blatter(9)

braga(101)

brasil(12)

campeão(11)

campeões(36)

carvalhal(8)

castigo(8)

chelsea(11)

clubes(16)

costinha(11)

cr7(16)

crise(22)

cristiano(12)

cristiano ronaldo(18)

demissão(8)

derrota(12)

desilusão(18)

desporto(16)

diferenças(8)

dirigentes(14)

dragão(29)

dragões(19)

eleições(12)

empate(15)

espanha(22)

espectáculo(11)

estoril(15)

estreia(9)

europa(39)

fc porto(116)

fcporto(17)

fifa(16)

final(9)

fpf(8)

futebol(840)

gil vicente(9)

goleada(20)

guimarães(30)

inglaterra(10)

inter(17)

itália(9)

jesualdo(15)

jesualdo ferreira(9)

jesus(29)

jogadores(8)

jogos olímpicos(9)

jorge jesus(15)

jornalistas(8)

leixões(9)

leões(16)

liedson(10)

liga(43)

luz(15)

madrid(24)

manchester(11)

manchester united(10)

marítimo(14)

messi(8)

milhões(8)

mourinho(73)

mundial(17)

nacional(9)

nani(9)

olhanense(9)

pacenses(11)

paciência(12)

paulo bento(16)

pinto da costa(12)

platini(9)

portugal(25)

presidente(13)

queirós(20)

quique flores(8)

real madrid(10)

regresso(12)

salários(9)

salvador(14)

selecção(81)

setúbal(10)

sofrimento(16)

sporting(189)

surpresa(31)

surpresas(9)

taça(19)

taça da liga(10)

transferências(10)

treinador(25)

treinadores(17)

uefa(25)

todas as tags

links