Análise das questões do desporto e, em especial do futebol, feita por António Castro, agora mais distante dos centros de decisão, ao contrário do que aconteceu durante 40 anos ao serviço do extinto «Mundo Desportivo» e do «Diário de Notícias»

Segunda-feira, 26 de Dezembro de 2011
Berbatov volta à ribalta
O búlgaro Berbatov libertou-se da "penumbra" dos últimos tempos ao marcar três dos cinco golos com que o Manchester United  presenteou o Wigan no chamado Boxing Day. Dia menos agradável na Premiership para o ainda líder Manchester City (empate a zero na visita do Bromwich Albion) e o Chelsea de André Villas-Boas, que também perdeu dois pontos na deslocação ao Fulham.
É para este aliciante campeonato que José Mourinho mais uma vez manifestou o desejo de regressar, cumprida a "missão" em Madrid. O sonho antes da selecção...
 


publicado por António Castro às 21:15
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 7 de Março de 2011
Bom senso deve imperar na Luz

Era de esperar todo este espalhafato com a derrota do Benfica, ontem, em Braga. Em circunstâncias normais, a perda de três pontos, a hipotecar ainda mais a possibilidade de renovação do título, originaria uma onda de choque entre os benfiquistas. A actuação do árbitro Carlos Xistra, persona non grata desde há tempos para responsáveis e adeptos da Luz, adensou o ambiente de contestação.

Chegar ao ponto de considerar esta derrota como a principal razão pela eventual perda do campeonato - depois de nos primeiros jogos da temporada terem entregue a liderança quase de mão beijada aos portistas - torna-se caricato.

O Benfica teve uma fase oscilante que comprometeu desde logo um despique mais equilibrado com a equipa de André Villas-Boas, fruto de uma regularidade que lhe permite ainda estar invencível na Liga, apenas consentindo dois empates, contra cinco derrotas dos pupilos de Jorge Jesus.

Pede-se bom senso às gentes do futebol, já que outros sectores bem mais importantes da vida nacional persistem em ignorá-lo.

 

 



publicado por António Castro às 18:21
link do post | comentar | favorito

Sábado, 5 de Março de 2011
Falcão é a alegria do Dragão

Falcão marcou e o Guimarães acabou. Poderá André Villas-Boas dizer que o FC Porto procurou no princípio controlar uma equipa bem organizada e eficaz nas zonas recuadas e desferir o golpe no momento mais adequado, e assim explicar o nulo ao intervalo.

Nesse período a sua equipa exibiu-se de acordo com os padrões habituais, construiu algumas oportunidade que assustaram os comandados de Manuel Machado, mas não mostrou a inspiração suficiente para desfeitear o guarda-redes Nilson.

Tornou-se necessário imprimir maior velocidade, fazer alterações pontuais na manobra e esperar que Falcão recebesse a bola em condições de mostrar toda a vocação para o golo, como aconteceu nos dois golos marcados em Olhão. 

Isso só aconteceu aos 68 minutos, após excelente assistência do seu compatriota colombiano James Rodriguez, e então tudo ficou resolvido.

Nem era sequer necessário o «fogacho» de Cristian Rodriguez nos minutos de compensação para manter mais pressão sobre Jorge Jesus na visita a Braga.

 



publicado por António Castro às 23:15
link do post | comentar | favorito

Domingo, 16 de Maio de 2010
Mourinho persegue Chelsea e Bayern

Chelsea e Bayern de Munique fizeram segunda festa esta temporada. Alcançaram vitórias nos campeonatos e nas Taças dos respectivos países (Inglaterra e Alemanha). O italiano Carlo Ancelotti e o holandês Louis Van Gaal não podiam ter melhor prenda no ano de estreia nestes clubes.

O segundo passou por momentos conturbados no início da época. Durante alguns meses o rendimento da equipa bávara causou preocupações, acrescidas pelo litígio com Ribéry, mas quando os jogadores assimilaram os conceitos do técnico começou a arrancada para o título, embora sob pressão de alguns adversários quase até ao termo da prova.

A Taça da Alemanha, derimida com a equipa dp português Hugo Almeida (suplente utilizado) acabou por ser um passeio, já que o Werder Bremen foi incapaz de aguentar a pressão ofensiva do adversário (4-0). 

A tarefa do antigo técnico do Milan sugeriu maior tranquilidade, já que o grande opositor - Manchester United - não demonstrou a qualidade dos anos precedentes. Às saídas de Cristiano Ronaldo (Real Madrid) e Tévez (Manchester City) juntaram-se várias lesões, sendo a de Rooney a mais decisiva. O português Nani ultrapassou todas as expectativas e teve a melhor época em Manchester, de qualquer forma insuficiente para compensar as baixas sofridas por Alex Fergusson. 

Carlo Ancelotti considera fantástico o comportamento dos bluesque, ao derrotarem o despromovido Portsmouth (1-0) em Wembley, conseguiram fazer história no clube de Abramovich, pois a alegria do duplo éxito na mesma época nunca fora vivida pelos adeptos.

Curiosamente, associado a estes acontecimentos, está, por várias razões, o nome de José Mourinho. Também ele, se o Inter ganhar em Siena, pode hoje conseguir a dobradinha em Itália: junta à recente vitória na Taça, obtida sobre a Roma, a conquista do campeonato. A seguir, disputará com Van Gaal, do qual foi adjunto no Barcelona há anos, a final da Liga dos Campeões., em Madrid.

Finalmente, pertence-lhe o mérito de ter dado ao Chelsea o primeiro título de campeão após 50 anos de jejum, e venceu todas as provas inglesas, embora em anos diferentes, a orientar Drogba, Lampard e companhia, que ainda por lá andam.

O Special One cumpre numa semana nova etapa crucial, mas a sua carreira de técnico já não pode ser retirada da história do futebol mundial.



publicado por António Castro às 08:39
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 12 de Abril de 2010
Tudo pode acontecer, mas...

em Vitória de Setúbal nem Académica se libertaram em definitivo do tormento da despromoção. Conquistaram apenas um ponto e, na véspera, o Leixões, com a vitória sobre o Paços de Ferreira, ainda ficou com condições - mais matemáticas do que desportivas - de evitar a descida de escalão.

Será que o derby de Lisboa, embora ainda não garanta o título ao Benfica, será mais explícito?

Jorge Jesus, segundo parece já com a garantia de melhoria de proventos e prolongamento do contrato, dirige uma equipa mais poderosa em individualidades e capacidade de produção de jogo que o seu colega Carlos Carvalhal, já com a porta escancarada para sair de Alvalade, apesar de ainda ter melhorado a imagem de uma equipa que antes da sua «envergonhada» entrada era apenas uma amálgama de jogadores.

Nestas condições - o Benfica com aspirações legítimas de suceder ao FC Porto na lista dos campeões e o Sporting limitado a não hipotecar o primeiro lugar de acesso à Liga Europa -, o ambiente da Luz pode tornar-se num inferno para os verdes.

A argumentação baseada na eterna incerteza prevalecente em confrontos desta natureza; no prestígio de uma vitória sobre o rival; na superação tantas vezes repetida do mais fraco se mostrar ocasionalmente o mais forte, será de atender, mas ousamos considerá-la numa percentagem relativamente baixa.

Se a «ousadia» de adiantar uma vitória para os encarnados se confirmar, será retirada alguma margem de manobra aos projectos de Domingos Paciência em levar o Sporting de Braga a lugar do topo nunca antes conhecido... 



publicado por António Castro às 23:52
link do post | comentar | favorito

Domingo, 5 de Abril de 2009
Título é só para um; FC Porto e mais nenhum

Começa a ser caricato ouvir, semana após semana, responsáveis de Alvalade e da Luz garantirem que o título constitui ainda um objectivo.

Se matematicamente não se pode contestar essa ilusão, é chegada a altura de encarar a situação com menos calculadora e mais realismo.

A última jornada reforçou a ideia que o FC Porto está mais perto de conquistar o tetra do que Sporting  ou Benfica quebrar o jejum de alguns anos. Os dragões, em Guimarães, demonstraram mais uma vez um potencial muito superior aos dos rivais e, apesar de terem ainda outra frente competitiva - Liga dos Campeões - incluem no plantel matéria-prima para colmatar ausências importantes.

Sporting e Benfica, pelo contrário, apesar das vitórias, não oferecem um rendimento fiável, em especial o Benfica, cuja exibição na Amadora mereceu críticas unânimes, a ponto de treinador e jogadores dizerem que o importante é vencer. Jogar bem já passou de moda.

A única luta no topo da tabela corresponde ao segundo lugar, que permite sonhar com eventuais milhões da prova europeia.

Tudo o resto é para entreter... adeptos.



publicado por António Castro às 23:55
link do post | comentar | favorito

Domingo, 28 de Dezembro de 2008
Henrique Calisto na ribalta no Vietname

Mais um sucesso de um treinador português no estrangeiro. O nome de Henrique Calisto, com um périplo por diversas equipas em Portugal, mas sem conseguir um êxito retumbante, deixou de ser falado.

Há oito anos decidiu trabalhar noutras paragens e foi parar ao Vietname, onde orientou equipas de clube e, ultimamente, a selecção do país.

Chegou ontem a hora das luzes de ribalta também incidirem sobre o emigrante português, ao sagrar-se campeão do Sudeste Asiático, o primeiro título da selecção vietnamita.

Henrique Calisto saiu da Tailândia, no encontro da primeira mão, com uma vitória (1-2) e fez vibrar a população inteira do longínquo país.

O segundo jogo, em casa, prometia sofrimento face a prematuro golo dos tailandeses e, segundo os regulamentos, haveria lugar a prolongamento. Mas tudo acabou em bem com a igualdade obtida quase no final, e Henrique Calisto, passeado aos ombros pelos jogadores, apresentou-se no palanque da vitória envolto na bandeira portuguesa no seu dia de glória.

"Santos da casa não fazem milagres" é ditado que se aplica ao técnico que, no entanto, não esqueceu a pátria em momento tão especial da sua carreira.

E o povo do Vietname continuará em festa durante dias, à qual fica associada, mais uma vez, o nome de Portugal.

 



publicado por António Castro às 23:45
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12

14
15
17
18
19
20

21
23
25
26
27

28
29
30


artigos recentes

Berbatov volta à ribalta

Bom senso deve imperar na...

Falcão é a alegria do Dra...

Mourinho persegue Chelsea...

Tudo pode acontecer, mas....

Título é só para um; FC P...

Henrique Calisto na ribal...

arquivos

Junho 2015

Outubro 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

tags

académica(19)

adeus(12)

alterações(8)

alvalade(25)

apuramento(17)

arbitragem(26)

arsenal(8)

barcelona(25)

belenenses(12)

benfica(196)

bento(13)

blatter(9)

braga(101)

brasil(12)

campeão(11)

campeões(36)

carvalhal(8)

castigo(8)

chelsea(11)

clubes(16)

costinha(11)

cr7(16)

crise(22)

cristiano(12)

cristiano ronaldo(18)

demissão(8)

derrota(12)

desilusão(18)

desporto(16)

diferenças(8)

dirigentes(14)

dragão(29)

dragões(19)

eleições(12)

empate(15)

espanha(22)

espectáculo(11)

estoril(15)

estreia(9)

europa(39)

fc porto(116)

fcporto(17)

fifa(16)

final(9)

fpf(8)

futebol(840)

gil vicente(9)

goleada(20)

guimarães(30)

inglaterra(10)

inter(17)

itália(9)

jesualdo(15)

jesualdo ferreira(9)

jesus(29)

jogadores(8)

jogos olímpicos(9)

jorge jesus(15)

jornalistas(8)

leixões(9)

leões(16)

liedson(10)

liga(43)

luz(15)

madrid(24)

manchester(11)

manchester united(10)

marítimo(14)

messi(8)

milhões(8)

mourinho(73)

mundial(17)

nacional(9)

nani(9)

olhanense(9)

pacenses(11)

paciência(12)

paulo bento(16)

pinto da costa(12)

platini(9)

portugal(25)

presidente(13)

queirós(20)

quique flores(8)

real madrid(10)

regresso(12)

salários(9)

salvador(14)

selecção(81)

setúbal(10)

sofrimento(16)

sporting(189)

surpresa(31)

surpresas(9)

taça(19)

taça da liga(10)

transferências(10)

treinador(25)

treinadores(17)

uefa(25)

todas as tags

links
Visitas
Adicionar as contagens de 2008 a 2012 - 59512