Análise das questões do desporto e, em especial do futebol, feita por António Castro, agora mais distante dos centros de decisão, ao contrário do que aconteceu durante 40 anos ao serviço do extinto «Mundo Desportivo» e do «Diário de Notícias»

Quarta-feira, 15 de Agosto de 2012
Selecção inicia novo ciclo com "velho" treinador

O silêncio deste blogue teve, naturalmente, razões fortes. Poupo explicações aos leitores e considero mais importante apresentar-lhe desculpas, extensivas aos responsáveis do SAPO, com os quais me comprometi a ter uma presença assídua, independente da valorização concedida ao seu conteúdo.

Muita coisa aconteceu no campo desportivo e, em especial, no futebol nestes últimos tempos. Alguns perfeitamente dispensáveis e caricatos, que futuros acontecimentos permitirão, certamente, ainda abordar sem cair no simples exercício de recordar o passado.

Num dos quatro feriados que os portugueses deixarão de ter no próximo ano - certamente um contributo decisivo para o início da recuperação da crise -, Paulo Bento inicia novo ciclo na carreira de treinador. Dos juniores do Sporting foi requisitado para minimizar crise cíclica da equipa principal, da qual também saiu a meio do percurso.

Seguiu-se a entrada na FPF com o objectivo de tentar a qualificação para o Europeu, já muito comprometida. O play-off com a Bósnia foi a tábua de salvação, e o torneio organizado pela Polónia/Ucrânia deixou boas recordações: ceder por grandes penalidades, nas meias-finais, perante o campeão em título que repetiu o êxito na final, constitui novo marco do futebol português. Só os eternos sonhadores poderiam exigir mais.

O seleccionador vai agora começar um ciclo que tem por objectivo imediato a presença no Mundial do Brasil. Antes de enfrentar o Luxemburgo, Azerbaijão, Rússia, Irlanda do Norte e Israel na luta por um lugar na viagem para terras do samba, fez um teste com Panamá, adversário estreante detentor do 54.º lugar no ranking da FIFA (560 pontos contra 1213 de Portugal, na quinta posição).

Ensaio agradável tendo em conta que a a maioria dos escolhidos por Paulo Bento ainda não tem ritmo competitivo, o técnico optou por utilizar de início elementos que não actuaram no último Europeu e, finalmente, repetiram-se atitudes de sinal positivo - empenho, entreajuda e versatilidade nas acções ofensivas.

Dois golos e boas promessas dos mais novos foram notas salientes. Por vezes, os encontros de preparação tornam-se monótonos, mas o público presente em Loulé não teve razões para ficar desiludido. Pelo contrário viveu uma noite de confiança para os compromissos oficiais em Setembro.



publicado por António Castro às 23:56
link do post | comentar | favorito

Domingo, 29 de Janeiro de 2012
Só à cabeçada

O Sporting regressou às vitórias. Quase dois meses depois de Onyewu ter marcado um golo decisivo ao Nacional, os leões terminaram longo jejum em duas intervenções de cabeça do defesa norte-americano, frente ao Beira Mar, em Alvalade.

A primeira vitória do ano dos leões deu relativo alívio a Domingos Paciência, cuja contratação foi unanimemente festejada, mas agora já se colocam em causa, injustamente, as qualidades reveladas ao serviço do Sporting de Braga.

Em dez minutos - espaço de tempo entre os dois tentos marcados aos aveirenses - nas hostes leoninas viveram-se momentos de menor preocupação em relação ao futuro, mas os restantes 60 mostraram de novo uma equipa intranquila, apenas com esporádicos laivos da produção que a tornaram, há poucos meses, um dos candidatos ao título.

O treinador, embora sem declarar abertamente, já reconhece que essa ambição é passado. «Temos consciência de que só ganhando os nossos jogos é que voltaremos a ficar mais confiantes. O que me preocupa mais é ganharmos confiança, aquilo que já fizemos de bom num determinado período. Sentimos que a equipa pode crescer e fazer mais e melhor do que fez hoje.»

Por enquanto foram só promessas.



publicado por António Castro às 21:40
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 9 de Julho de 2010
Arbitragem na África do Sul espevita Blatter

Os elementos da FIFA com responsabilidade na arbitragem têm elogiado, diversas vezes, o trabalho dos seus escolhidos para a África do Sul, mas dois erros flagrantes, pelo menos, marcarão a história do torneio e, mais do que isso, podem levar à aceitação, tantas vezes recusada pela entidade máxima na matéria (International Board) a tomar consciência da necessidade de actualizações sem adulterar os princípios básicos do jogo.

Joseph Blatter, depois dos escândalos da anulação do golo de Lampard no Alemanha-Inglaterra e do flagrante fora-de-jogo num dos golos do argentino Tévez  marcado ao México, anunciou receptividade para defender alterações, embora esteja ainda longe da imediata introdução de meios tecnológicos já utilizados com êxito noutras modalidades.

O presidente da FIFA prometeu que ainda este mês levará o caso à reunião da IB e admitiu que ser discutido em nova sessão a realizar em Agosto.

As suas palavras, no entanto, não permitem ter grandes ilusões e talvez continue a confiar na falibilidade humana, com o recurso ao exemplo da UEFA com juízes de baliza, apesar de muitas dúvidas subsistirem na plena eficácia deste expediente.

Desde que foi criada pelos britânicos, a International Board anda a passo de caracol, e manteve idêntico ritmo quando associou aos seus quadros sectores do futebol que prometiam erradicar conceitos bolorentos. Puro engano.

 



publicado por António Castro às 23:56
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 18 de Dezembro de 2009
Promessas da Luz garantem êxito e euros

Di Maria redimiu-se do infeliz comportamento em Olhão. No útimo encontro da fase de grupos da Liga Europa, quando o nome do benfiquista foi anunciado na Luz e na primeira vez que tocou na bola ouviram-se assobios. Os aplausos surgiram no momento em que marcou o seu segundo golo, de excelente execução, a ditar a derrota do AEK.

Reacções frequentes entre os apaixonados pelo futebol, com sentimentos contraditórios no espaço de menos de hora e meia.

Jorge Jesus, como anunciara, apresentou quase uma segunda equipa e no final mostrou-se satisfeito com o rendimento dos elementos cujas características conhece melhor dos treinos e desejava observar em competição.

Se é certo que tudo correu melhor ao Benfica do que acontecera no dia anterior ao Sporting em Berlim, não nos apercebemos de motivos para demasiado optimismo. A diferença entre os segundas linhas da Luz  e de Alvalade é pública e notória a favor dos benfiquistas, mas a produção futebolística perante os gregos não atingiu níveis elevados.

A grande diferença foi mesmo Di Maria e alguns apontamentos positivos de jovens que ainda não ultrapassaram o estatuto de promessas, sem hipóteses, em condições normais, de substituir os habituais titulares, alguns saídos do banco para o relvado.



publicado por António Castro às 09:55
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12

14
15
17
18
19
20

21
23
25
26
27

28
29
30


artigos recentes

Selecção inicia novo cicl...

Só à cabeçada

Arbitragem na África do S...

Promessas da Luz garantem...

arquivos

Junho 2015

Outubro 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

tags

académica(19)

adeus(12)

alterações(8)

alvalade(25)

apuramento(17)

arbitragem(26)

arsenal(8)

barcelona(25)

belenenses(12)

benfica(196)

bento(13)

blatter(9)

braga(101)

brasil(12)

campeão(11)

campeões(36)

carvalhal(8)

castigo(8)

chelsea(11)

clubes(16)

costinha(11)

cr7(16)

crise(22)

cristiano(12)

cristiano ronaldo(18)

demissão(8)

derrota(12)

desilusão(18)

desporto(16)

diferenças(8)

dirigentes(14)

dragão(29)

dragões(19)

eleições(12)

empate(15)

espanha(22)

espectáculo(11)

estoril(15)

estreia(9)

europa(39)

fc porto(116)

fcporto(17)

fifa(16)

final(9)

fpf(8)

futebol(840)

gil vicente(9)

goleada(20)

guimarães(30)

inglaterra(10)

inter(17)

itália(9)

jesualdo(15)

jesualdo ferreira(9)

jesus(29)

jogadores(8)

jogos olímpicos(9)

jorge jesus(15)

jornalistas(8)

leixões(9)

leões(16)

liedson(10)

liga(43)

luz(15)

madrid(24)

manchester(11)

manchester united(10)

marítimo(14)

messi(8)

milhões(8)

mourinho(73)

mundial(17)

nacional(9)

nani(9)

olhanense(9)

pacenses(11)

paciência(12)

paulo bento(16)

pinto da costa(12)

platini(9)

portugal(25)

presidente(13)

queirós(20)

quique flores(8)

real madrid(10)

regresso(12)

salários(9)

salvador(14)

selecção(81)

setúbal(10)

sofrimento(16)

sporting(189)

surpresa(31)

surpresas(9)

taça(19)

taça da liga(10)

transferências(10)

treinador(25)

treinadores(17)

uefa(25)

todas as tags

links