Análise das questões do desporto e, em especial do futebol, feita por António Castro, agora mais distante dos centros de decisão, ao contrário do que aconteceu durante 40 anos ao serviço do extinto «Mundo Desportivo» e do «Diário de Notícias»

Terça-feira, 16 de Junho de 2015
Vitória sobre Itália anima técnico no regresso

Fernando Santos voltou ao banco com uma vitória. O bracarense Éder marcou o primeiro golo ao serviço da selecção na 18.ª internacionalizações. Portugal quebrou um jejum de vitórias em confrontos com os italianos que se prolongou desde Dezembro de 1976 (39 anos).

Aspectos meramente estatísticos, por vezes de significado relativo, tanto mais quando tudo aconteceu num encontro de particular e em que tanto Antonio Conte como Fernando Santos fizeram muitos testes para os próximos jogos de qualificação do Europeu de França. De salientar que Daniel Carriço, um produto da formação sportinguista e companheiro do guarda-redes Beto no Sevilha, se estreou na equipa nacional.

De qualquer forma, os treinadores fizeram diversas análises. O português garantiu: «Mostrámos que somos uma grande equipa». Quem diria... O italiano considerou que os seus comandados mereciam o empate, enquanto a imprensa transalpina coloca em causa a sua continuidade no comando da Squadra Azurra, pois a Itália ainda não garantiu a presença na fase final do Europeu 2016.

Especulações próprias do futebol.



publicado por António Castro às 23:40
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Sábado, 13 de Junho de 2015
Génio de CR7 salva selecção sem rumo

Fernando Santos sentiu, certamente, inesperados calafrios na zona VIP do estádio de Erevan, lugar em que acompanhou o jogo devido a castigo. Os arménios deram tacticamente uma lição de futebol aos portugueses, que viveu momentos arrepiantes.

Ao seleccionador nacional esperam tempos de reflexão e profundas alterações, tanto na escolha de jogadores como na estratégia.

Os responsáveis e jogadores podem apresentar a conjugação negativa de diversos factores: a insegurança de Rui Patrício, a expulsão de Tiago e a lesão de Ricardo Carvalho. Nada disso disfarça, no entanto, a positiva exibição dos adversários.

A vitória, a primeira desde sempre sobre a Arménia, ficou a dever-se à genialidade de Cristiano Ronaldo. Três golos assinalaram a actuação quase sempre sem bola, devido às ineficazes assistências dos companheiros. Um penalty, incrível lance a aproveitar desentendimento na defesa contrária e um dos seus habituais petardos, tornaram-no no responsável pela vitória.

Aquela que Fernando Santos esperava na caminhada para campeão europeu...



publicado por António Castro às 23:36
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 13 de Outubro de 2014
«Deixem trabalhar» Fernando Santos

Fernando Santos e os jogadores chamados a defrontar a Dinamarca têm hoje a grande oportunidade de inverter a tendência negativa da selecção na qualificação para o Euro 2006.

Alguns teóricos, conhecidos por treinadores de bancada e experts em posturas mediáticas, embora benevolentes nas análises criticaram o seleccionador por certas opções tácticas, como se fosse possível em poucos dias ver em campo uma equipa em pleno no Stade France a vencer a França, o que não acontece desde um ano depois da Revolução dos Cravos.

O saudoso José Torres teve uma frase que ficou na história antes de um jogo na Alemanha - «deixem-me sonhar!» O sonho transformou-se em vitória, embora a qualificação para o Mundial do México se tenha saldado, por outras razões, numa das várias jornadas vergonhosas do futebol português.

O momento actual aconselha transmitir uma outra mensagem a Fernando Santos. «Deixem-no trabalhar», por exemplo.



publicado por António Castro às 23:40
link do post | comentar | favorito

Sábado, 11 de Outubro de 2014
Selecção apenas com promessas em França

Passaram muitos meses sobre a última vez que escrevi um post neste blogue. Razões várias impuseram este prolongado silêncio, que um dia se compreenderá.

As alterações impostas na seleccão principal de futebol, curiosamente ainda por explicar, pois não aconteceram depois da desoladora prestação no Mundial do Brasil, mas na sequência da inesperada derrota na visita da Albânia, colocaram Fernando Santos no lugar de Paulo Bento.

O novo sleccionador teve a estreia com a França e manteve-se o ciclo de derrotas, apesar da remodelação no critério de escolha dos jogadores, com chamadas de alguns veteranos, alheios há anos da camisola das quinas, e de jovens a despontar nos últimos tempos.

A derrota no Stade de France não constitui surpresa, tal como alguns lapsos de elementos ainda à procura de se integrar nas ideias do novo reponsável técnico. O facto de Cristiano Ronaldo não confirmar a veia goleadora no Real Madrid estará ligada a este factor.

Conclusão: um resultado airoso, dada a capacidade do adversário, não escondeu a falta de eficácia dos últimos tempos do futebol português em confrontos com equipas estrangeiras, mesmo as menos conceituadas. Afinal, nada de novo em relação aos primeiros resultados dos clubes nas duas provas europeias.

Só o confronto com a Dinamarca poderá esclarecer se Fernando Santos conseguirá inverter a tempo esta tendência. Caso contrário, mais uma oportunidade perdida.



publicado por António Castro às 23:30
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 20 de Novembro de 2013
Treinadores portugueses no Mundial

Portugal contará com três técnicos a dirigir equipas na fase final do Mundial do próximo ano.

Além de Paulo Bento, também no play-off europeu Fernando Santos conseguiu apurar a Grécia no confronto com a Roménia. Antes, Carlos Queirós tinha garantido para o Irão a presença no Brasil.

A este trio juntam-se dezenas de responsáveis técnicos nacionais a orientar clubes e selecções no estrangeiro, prova do reconhecimento do seu valor. E alguns regressaram com títulos conquistados em diferentes países.

O mercado português tornou-se atractivo, tanto para treinadores como para jogadores, mas neste aspecto não haverá grande contributo para debelar a crise, dado o número de sul-americanos que se servem dos clubes portugueses como trampolim para outros países europeus, onde auferem vencimentos muito superiores.



publicado por António Castro às 19:31
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12

14
15
17
18
19
20

21
23
25
26
27

28
29
30


artigos recentes

Vitória sobre Itália anim...

Génio de CR7 salva selecç...

«Deixem trabalhar» Fernan...

Selecção apenas com prome...

Treinadores portugueses n...

arquivos

Junho 2015

Outubro 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

tags

académica(19)

adeus(12)

alterações(8)

alvalade(25)

apuramento(17)

arbitragem(26)

arsenal(8)

barcelona(25)

belenenses(12)

benfica(196)

bento(13)

blatter(9)

braga(101)

brasil(12)

campeão(11)

campeões(36)

carvalhal(8)

castigo(8)

chelsea(11)

clubes(16)

costinha(11)

cr7(16)

crise(22)

cristiano(12)

cristiano ronaldo(18)

demissão(8)

derrota(12)

desilusão(18)

desporto(16)

diferenças(8)

dirigentes(14)

dragão(29)

dragões(19)

eleições(12)

empate(15)

espanha(22)

espectáculo(11)

estoril(15)

estreia(9)

europa(39)

fc porto(116)

fcporto(17)

fifa(16)

final(9)

fpf(8)

futebol(840)

gil vicente(9)

goleada(20)

guimarães(30)

inglaterra(10)

inter(17)

itália(9)

jesualdo(15)

jesualdo ferreira(9)

jesus(29)

jogadores(8)

jogos olímpicos(9)

jorge jesus(15)

jornalistas(8)

leixões(9)

leões(16)

liedson(10)

liga(43)

luz(15)

madrid(24)

manchester(11)

manchester united(10)

marítimo(14)

messi(8)

milhões(8)

mourinho(73)

mundial(17)

nacional(9)

nani(9)

olhanense(9)

pacenses(11)

paciência(12)

paulo bento(16)

pinto da costa(12)

platini(9)

portugal(25)

presidente(13)

queirós(20)

quique flores(8)

real madrid(10)

regresso(12)

salários(9)

salvador(14)

selecção(81)

setúbal(10)

sofrimento(16)

sporting(189)

surpresa(31)

surpresas(9)

taça(19)

taça da liga(10)

transferências(10)

treinador(25)

treinadores(17)

uefa(25)

todas as tags

links
Visitas
Adicionar as contagens de 2008 a 2012 - 59512