Análise das questões do desporto e, em especial do futebol, feita por António Castro, agora mais distante dos centros de decisão, ao contrário do que aconteceu durante 40 anos ao serviço do extinto «Mundo Desportivo» e do «Diário de Notícias»

Domingo, 9 de Junho de 2013
Paulo Bento prepara as"finais"

Na véspera do encontro particular com a Croácia, na Suíça, Paulo Bento falou ainda do confronto com a Rússia, e o distanciamento das emoções do jogo não alterou as suas conclusões.

«Fizemos um jogo com qualidade, sendo que quando tivemos de sofrer, soubemos sofrer. Raramente nos desequilibrámos, com excepção para uma jogada do Shirokov. Nos últimos oito minutos da primeira parte estivemos menos coordenados, mas o intervalo fez-nos bem e entrámos melhor na segunda parte.»

As diversas análises ao encontro não coincidem totalmente com esta visão, e pareceram mais realistas as avaliações feitas ao rendimento de Neto e Vieirinha, que actuaram nos lugares de Pepe (castigado) e Nani (distante da forma ideal devido a lesões).

«Tiveram um rendimento muito bom. Vieirinha já tinha jogado em Israel e no Azerbaijão e, quanto a Neto, não podemos esquecer o trajecto e compromissos de Pepe. Queremos ter cada vez mais soluções e, em alguns casos, despertar alguém que possa pensar ter um estatuto na equipa que não tem», considerou.

Palavras de incentivo à equipa e de aviso a alguns jogadores para os decisivos compromissos no caminho para chegar ao Brasil.



publicado por António Castro às 22:51
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 22 de Julho de 2011
Europa castiga a sobranceria

O "festival" dos jogos de preparação continua em todas as latitudes, mas uma das provas oficiais da UEFA  já arrancou. Goleadas, empates e derrotas, de tudo aconteceu nos jogos-treino, tal como algumas aquisições mais dispendiosas proporcionaram positivas indicações, enquanto outras obrigam a novas observações.

Estamos no princípio da época, alguns clubes mudaram de treinadores e outros reformularam quase na totalidade os seus quadros de futebolistas, pelo que importa conceder o verdadeiro valor aos resultados, sejam perante equipas amadoras, de valor médio ou com pretensões ao estrelato.

Os portugueses, sejam dirigentes, treinadores e adeptos, são muito atreitos ao "oito ou oitenta", pelo que preferimos abordar temas "sérios".

Ao Nacional coube estrear a época oficial. Empate (1-1) na Islândia e vitória (2-0) na Madeira permitiu-lhe afastar os islandeses do Hafnarfjordur e encontrar na terceira pré-eliminatória da Liga Europa os suecos do Hacken.

O Vitória de Guimarães, na mesma fase da prova desloca-se ao campo do Midtjylland - os dinamarqueses eliminaram o TNS do País de Gales.

Na próxima semana também o Benfica entra na 3.ª pré-eliminatória da Liga dos Campeões e recebe os turcos do Trabzonspor.

O comportamento do ano passado concede grande dose de confiança na prestação das equipas portuguesas, mas será de toda a prudência não deitar foguetes antes da festa.

Nacional, Guimarães e Benfica devem deixar fora do campo qualquer complexo de superioridade.

 



publicado por António Castro às 23:47
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 9 de Maio de 2011
Presidente dá recado a Jesus

«Peço a todos que não comecem a gritar que vamos ser campeões. O próximo jogo é uma final, vai ser esse o nosso pensamento. Internamente é isso que se vai dizer, e toda a massa associativa deve pensar assim também. Não há campeões feitos antecipadamente, já pagámos algumas facturas caras por pensarmos assim. Tenhamos todos os pés no chão, sejamos humildes, respeitemos todos os nossos adversários, porque eles nos vão respeitar.»

 

Luís  Filipe Vieira em entrevista ao programa Zona de Decisão, da Benfica TV

 

O presidente da Luz, afinal, mandou um recado para dentro do clube. Se Jorge Jesus não o apreender e exercer pedagogia nesse sentido junto dos seus jogadores não terá dias fáceis na próxima época.

 



publicado por António Castro às 23:41
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 17 de Janeiro de 2011
Alvalade desespera por «fumo branco»

Ninguém duvidará que a «bondade» de José Eduardo Bettencourt não resolveu os problemas do Sporting e tomou a atitude - por razões familiares ou devido à maneira como foi tratado por alguns sócios, certa comunicação social ou até analistas de bloques - de abdicar do cargo de presidente leonino. Só que, a juntar a vários lapsos - declarações e escolha de colaboradores, entre outros -, voltou a tomar uma decisão, embora legítima, fora de tempo.

O futuro homem forte do Sporting, para solucionar, ainda que a título precário, alguns problemas graves, precisa de tempo para tirar a equipa de futebol do atoleiro, e o melhor seria a renúncia ter acontecido antes do início de Janeiro. Mais uma vez o presidente demissionário não acertou no timing e deixou o menino nos braços de Dias Ferreira, presidente da assembleia geral, ciente que a escolha da figura para a «chicotada» directiva não pode esperar meses, nem sequer muitas horas.

Reunido o Conselho Directivo, no qual José Eduardo Bettencourt, além das informações que entender prestar, repetirá a disposição de ajudar em tudo o que for necessário, e no dia seguinte, o Conselho Leonino, terá de surgir de imediato fumo branco na chamuscada estrutura de Alvalade.

Alguém tem de indagar se José Couceiro já tem um diagnóstico dos problemas, avaliar sem tibiezas a vantagem de continuar com os serviços do «competente» Costinha e decidir se as qualidades de Paulo Sérgio, que vemos quase passivo em todos os jogos, chegam para retirar o melhor partido da capacidade dos jogadores ao dispor, reconhecendo embora que lhe faltam valores de classe acima da média.

A «fava» tem de sobrar para alguém, mas quem se dispõe a servir o Sporting, ou qualquer outro clube, não pode pensar apenas em benesses. Deve aceitar sacrifícios para ter direito a viver algumas alegrias.



publicado por António Castro às 23:12
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Quarta-feira, 8 de Dezembro de 2010
Todos «despejados» para Liga Europa

Os sonhos lindos começam a fazer parte do dia-a-dia dos portugueses quando estão acordados. Só que acabam sempre em pesadelos antes de começarem a adormecer.

Agora aconteceu com Domingos Paciência que, com a presença do Sporting de Braga assegurada na Liga Europa, garantia ainda a continuidade na Liga dos Campeões, ideia suportado pela possibilidade matemática, mas contra toda a lógica. Na primeira das hipóteses, aquela que estava nas mãos dos bracarenses, «bastava» ganhar no campo do Shakhtar Donetsk por quatro golos, depois de terem perdido com os ucranianos por três no Minho.

Outros resultados ainda dariam essa possibilidade e chegaram a fazer parte do argumento da novela da jornada - empates do Arsenal com o Partizan e em Donetsk -, só que o final foi totalmente alterado pelos responsaveis do guião. Os ingleses ganharam e os portugueses perderam.

Quando este cenário constitui motivo de tão elevado orgulho de um técnico que já é considerado uma certeza do futebol nacional, pouco há  esperar da volumosa presença de clubes portugueses na segunda prova da UEFA.

Grandes responsabilidades cabem aos técnicos do Benfica, Sporting de Braga, FC Porto e Sporting. Para já, sejam comedidos quando conhecerem os respectivos adversários, não comecem logo no foguetório.



publicado por António Castro às 23:44
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12

14
15
17
18
19
20

21
23
25
26
27

28
29
30


artigos recentes

Paulo Bento prepara as"fi...

Europa castiga a sobrance...

Presidente dá recado a Je...

Alvalade desespera por «f...

Todos «despejados» para L...

arquivos

Junho 2015

Outubro 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

tags

académica(19)

adeus(12)

alterações(8)

alvalade(25)

apuramento(17)

arbitragem(26)

arsenal(8)

barcelona(25)

belenenses(12)

benfica(196)

bento(13)

blatter(9)

braga(101)

brasil(12)

campeão(11)

campeões(36)

carvalhal(8)

castigo(8)

chelsea(11)

clubes(16)

costinha(11)

cr7(16)

crise(22)

cristiano(12)

cristiano ronaldo(18)

demissão(8)

derrota(12)

desilusão(18)

desporto(16)

diferenças(8)

dirigentes(14)

dragão(29)

dragões(19)

eleições(12)

empate(15)

espanha(22)

espectáculo(11)

estoril(15)

estreia(9)

europa(39)

fc porto(116)

fcporto(17)

fifa(16)

final(9)

fpf(8)

futebol(840)

gil vicente(9)

goleada(20)

guimarães(30)

inglaterra(10)

inter(17)

itália(9)

jesualdo(15)

jesualdo ferreira(9)

jesus(29)

jogadores(8)

jogos olímpicos(9)

jorge jesus(15)

jornalistas(8)

leixões(9)

leões(16)

liedson(10)

liga(43)

luz(15)

madrid(24)

manchester(11)

manchester united(10)

marítimo(14)

messi(8)

milhões(8)

mourinho(73)

mundial(17)

nacional(9)

nani(9)

olhanense(9)

pacenses(11)

paciência(12)

paulo bento(16)

pinto da costa(12)

platini(9)

portugal(25)

presidente(13)

queirós(20)

quique flores(8)

real madrid(10)

regresso(12)

salários(9)

salvador(14)

selecção(81)

setúbal(10)

sofrimento(16)

sporting(189)

surpresa(31)

surpresas(9)

taça(19)

taça da liga(10)

transferências(10)

treinador(25)

treinadores(17)

uefa(25)

todas as tags

links