Análise das questões do desporto e, em especial do futebol, feita por António Castro, agora mais distante dos centros de decisão, ao contrário do que aconteceu durante 40 anos ao serviço do extinto «Mundo Desportivo» e do «Diário de Notícias»

Quarta-feira, 11 de Maio de 2011
Apito (não era) Final

Gilberto Madaíl reapareceu após um período de ausência, precisamente no dia em que o Tribunal Administrativo de Círculo de Lisboa considerou «inexistente» a continuação da reunião do Conselho de Justiça da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) que indeferiu os recursos do Boavista e do presidente do FC Porto no processo Apito Final.

Num recente acórdão, o colectivo presidido por Anabela Russo declara «a eficácia das decisões do presidente do Conselho de Justiça registadas na acta da reunião de 4 de Julho de 2008» daquele órgão e «a legalidade da decisão do seu encerramento».  

Na segunda parte daquela reunião foram declarados improcedentes os recursos do Boavista e de Pinto da Costa contra as sentenças da Comissão Disciplinar da Liga que, em 9 de Maio desse ano, puniram o clube com a descida de divisão, por coacção a árbitros, e o presidente do FC Porto com dois anos de suspensão, por duas tentativas de corrupção.

Passados alguns anos volta à ribalta um longo processo e tudo indica que poderá prolongar-se, caso a FPF recorra desta decisão para instância superior. Qualquer que seja o desfecho, muita coisa pode ainda acontecer, a avaliar por opiniões de peritos na matéria.

O presidente federativo, confrontado com a situação, não desvendou qual será o próximo passo, mas considerou urgente a criação de um Tribunal Desportivo para acabar com estes "eternos" processos na justiça do futebol, com riscos de irremediáveis injustiças.

Quando será que os bons exemplos da UEFA e da FIFA nesta matéria são seguidos em Portugal?



publicado por António Castro às 23:34
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 25 de Junho de 2009
Quem levou o Boavista à ruína?

O Boavista divulgou que não partacipará nos campeonatos profissionais da próxima época devido à extinção do Procedimento Extra-Judicial de Conciliação (PEC), aceite em 2008 por entidades credoras, nomeadamente Segurança Social e Finanças.

Mais um clube com pergaminhos que caminha para o abismo e passa a viver da recordação de ser um dos cinco clubes, desde sempre, a ter o nome na lista dos vencedores do campeonato principal português, como acontece com  Benfica, FC Porto Sporting e Belenenses.

Esta situação não é inédita e, infelizmente, deve repetir-se a breve passo, mas não deve deixar insensível os amantes do futebol, não apenas pelo desaparecimento de emblemas com história. Se contarmos os estádios construídos para o Europeu agora praticamente sem actividade de alto nível e, um deles, quase desactivado, concluímos que os investimentos de há mais de cinco anos em nada beneficiaram a modalidade.

Não se vislumbra, entretanto,  a intenção de chamar à responsabilidade os culpados pela situação catastrófica a que chegaram estas colectividades. Existiram nalguns casos, certamente, gestões danosas passíveis de ser exemplarmente punidas. Nada disto aconteceu pelo simples risco inerente a qualquer negócio.

 Se é necessário um exemplo, pensem só no que aconteceu com certos bancos.



publicado por António Castro às 23:56
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 31 de Julho de 2008
Quem acode ao Boavista?

Cada hora que passa torna a existência do Boavista cada vez mais dramática. Chegou a vez da Liga comunicar que a equipa de futebol está impedida de participar na sua nova prova pelo facto de não ter inscrito o mínimo de futebolistas profissionais exigido pelos regulamentos para disputar a Taça da Liga.

Álvaro Braga Júnior - velho amigo dos tempos em que exerceu a profissão de jornalista, tendo enveredado mais tarde por funções nos bastidores do futebol - só não me surpreendeu ao assumir o leme do clube do Bessa por conhecer a sua "raça e espírito de lutador - merece o meu respeito e palavras de apoio pela coragem de evitar o desaparecimento de um símbolo do desporto nacional, que ainda não há muitos anos viveu horas de glória.

Mas o actual presidente e seus companheiros de direcção necessitam mais do que palavras de apoio, precisam da ajuda daqueles que contribuíram para o descalabro do clube.

Sinais exteriores de que alguns continuam  a viver sem dificuldades e as anteriores manifestações verbais de amor à causa boavisteira obrigam a que algumas dessas pessoas apareçam num momento em que está a desmoronar-se aquilo que tinham a obrigação de deixar sem problemas, ou mesmo pujante.

Será que ninguém, agora, acode ao clube de xadrez. 



publicado por António Castro às 05:00
link do post | comentar | favorito

Sábado, 5 de Julho de 2008
Haja vergonha

Aconteceu  o esperado. O Conselho de Justiça da Federação Portuguesa de Futebol ainda não deu a conhecer a decisão sobre os casos polémicos e urgentes do futebol português.

Após pouco mais de cinco horas de reunião, os trabalhos foram suspensos e transmitidas, por comunicado, algumas decisões de processos menos mediáticos.

O presidente Gonçalves Pereira, alvo de escusa por parte dos dirigentes do Paços de Ferreira, encerrou prematuramente a sessão ao solicitar a saída da sala a João Abreu, que este não cumpriu, e cuja participação nos trabalhos fora posta em causa por Boavista e FC Porto, alegando incompatibilidade por seu perito da FPF e vogal do CJ, argumentação aceite pelo presidente. Pouco tempo passado os restantes seis elementos do organismo ausentaram- para jantar, tendo regressado cerca de duas horas mais tarde, mantendo um voto de silêncio tanto à saída como à entrada,

Às primeiras horas da madrugada, portanto, o parecer sobre os recursos dos castigos aplicados ao Boavista (despromoção) e a Pinto da Costa (dois anos de suspensão) ainda não teriam sido analisados. É de crer, no entanto, que alguns elementos já tivessem definida alguma tendência, apesar dos expedientes exercidos pelos três clubes.

Constata-se, afinal, que no futebol português só dirigentes de clubes são sérios e honestos. Sobre aqueles a quem compete apreciar os processos, aplicar os regulamentos e fazer justiça, multiplicam-se as suspeições, e surgem as incompatibilidades.

Haja vergonha...

 



publicado por António Castro às 00:58
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12

14
15
17
18
19
20

21
23
25
26
27

28
29
30


artigos recentes

Apito (não era) Final

Quem levou o Boavista à r...

Quem acode ao Boavista?

Haja vergonha

arquivos

Junho 2015

Outubro 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

tags

académica(19)

adeus(12)

alterações(8)

alvalade(25)

apuramento(17)

arbitragem(26)

arsenal(8)

barcelona(25)

belenenses(12)

benfica(196)

bento(13)

blatter(9)

braga(101)

brasil(12)

campeão(11)

campeões(36)

carvalhal(8)

castigo(8)

chelsea(11)

clubes(16)

costinha(11)

cr7(16)

crise(22)

cristiano(12)

cristiano ronaldo(18)

demissão(8)

derrota(12)

desilusão(18)

desporto(16)

diferenças(8)

dirigentes(14)

dragão(29)

dragões(19)

eleições(12)

empate(15)

espanha(22)

espectáculo(11)

estoril(15)

estreia(9)

europa(39)

fc porto(116)

fcporto(17)

fifa(16)

final(9)

fpf(8)

futebol(840)

gil vicente(9)

goleada(20)

guimarães(30)

inglaterra(10)

inter(17)

itália(9)

jesualdo(15)

jesualdo ferreira(9)

jesus(29)

jogadores(8)

jogos olímpicos(9)

jorge jesus(15)

jornalistas(8)

leixões(9)

leões(16)

liedson(10)

liga(43)

luz(15)

madrid(24)

manchester(11)

manchester united(10)

marítimo(14)

messi(8)

milhões(8)

mourinho(73)

mundial(17)

nacional(9)

nani(9)

olhanense(9)

pacenses(11)

paciência(12)

paulo bento(16)

pinto da costa(12)

platini(9)

portugal(25)

presidente(13)

queirós(20)

quique flores(8)

real madrid(10)

regresso(12)

salários(9)

salvador(14)

selecção(81)

setúbal(10)

sofrimento(16)

sporting(189)

surpresa(31)

surpresas(9)

taça(19)

taça da liga(10)

transferências(10)

treinador(25)

treinadores(17)

uefa(25)

todas as tags

links