Análise das questões do desporto e, em especial do futebol, feita por António Castro, agora mais distante dos centros de decisão, ao contrário do que aconteceu durante 40 anos ao serviço do extinto «Mundo Desportivo» e do «Diário de Notícias»
Terça-feira, 11 de Dezembro de 2012
Platini contesta “Olho de Falcão”

O presidente da UEFA quer transformar o Campeonato da Europa das Nações numa prova itinerante e não numa festa quadrienal do futebol do continente, centrada, de preferência, num país.

Um pensamento tão arrojado contrasta com a recusa em aceitar as novas tecnologias, ensaiadas no Mundial de Clubes, sobre a linha de golo.

«Se o árbitro de baliza está a um metro da linha e usa óculos de qualidade, ele pode ver se a bola entra ou não», ironiza Michel Platini. Atento aos problemas da crise – o sistema custa na prova do Japão um milhão de euros – acrescenta ser encargo excessivo «apenas por um ou dois golos por ano».

Eis um bom conselheiro para Passos Coelho tirar gorduras do Estado português, dando folga aos cidadãos.



publicado por António Castro às 17:49
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 10 de Dezembro de 2012
Diagnóstico feito; controlar doença

A visita do Benfica a Alvalade constitui a última oportunidade para dirigentes e treinador ficarem com a noção exacta dos males que apoquentam a equipa.

Frank Vercautern teve um discurso que não deixa dúvidas: «Tivemos problemas a vários níveis. Problemas físicos e erros individuais em manter a bola. Pagámos caro as falhas que cometemos.»

Diagnosticada a doença, importa medicar o “doente” a tempo de evitar sequelas graves. Aquilo que se escreveu de positivo sobre alguns períodos da manobra sportinguista não serve de atenuante para a produção negativa.

Para grandes males, grandes remédios. Uma exigência do clube Sporting ao seu presidente.



publicado por António Castro às 02:25
link do post | comentar | favorito

Domingo, 9 de Dezembro de 2012
Crise ataca Taça da Liga

Nasceu sob mau signo a Taça da Liga. Uma tentativa para atenuar aos problemas financeiros dos clubes mais modestos, através das transmissões televisivas, desde logo apresentou-se como um “fardo” para os mais poderosos.

Por outro lado, era evidente que o mercado português não tem dimensão para assegurar receitas avultadas em provas secundárias.

Com a actual crise, o problema agudizou-se, a prova deixou de ter patrocinador por decisão do Governo, e aconteceu o inevitável – o pedido de rescisão do contrato por parte da Olivedesportos, num clima de relações tensas com a Liga.

A inclusão de equipas B na II Liga contribuiu, certamente, para complicar a continuidade da prova, condenada a vida efémera, como se previa desde o seu arranque.



publicado por António Castro às 15:15
link do post | comentar | favorito

Sábado, 8 de Dezembro de 2012
J.J. “descomplicam” portistas

O Vitória de Setúbal teve há anos um jogador chamado Jacinto João que acabou como símbolo do clube. Nascido em Luanda a 25 de Janeiro de 1944, representou dez vezes a selecção portuguesa (dois golos). Um ídolo dos adeptos conhecido apenas por J.J. ficou imortalizado numa estátua erigida no Estádio do Bonfim nas comemorações do 95.º aniversário do clube sadino.

O FC Porto tem agora uma dupla “J.J.” que também proporciona espectáculo e vitórias. Um canto de James e o remate de Jackson – nascidos na Colômbia – resolveram o problema em que estava a transformar-se a visita do Moreirense ao Dragão. Aconteceu a cerca de 20 minutos do final de um encontro que teve sempre sinal mais da equipa de Vítor Pereira, mas com dificuldades em ultrapassar a defesa de Moreira de Cónegos.

E, como confessou o técnico portista, «a vitória era fundamental».



publicado por António Castro às 23:13
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 7 de Dezembro de 2012
Tanto tempo para marcar

Labyad e Viola marcaram pelos leões no derradeiro encontro da Liga Europa e asseguraram os únicos pontos na fase de grupos.

A vitória tangencial (2-1) – três golos na segunda parte – foi concretizada apenas a oito minutos do fim sobre o Videoton treinado por Paulo Sousa, que passou como jogador por Alvalade em tempos bem melhores do que os actuais.

Reconhecer que os sportinguistas mostraram ligeira melhoria de rendimento não parece exagerado, mas a equipa húngara treinada pelo português apresentou debilidades, a justificar ser parceiro do Sporting no adeus da prova.

Resta pouco aos leões e ainda não chegámos ao Natal. Não será fácil sequer concretizar o primeiro objectivo de Franky Vercautern: «Ganhar confiança.»



publicado por António Castro às 23:31
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 6 de Dezembro de 2012
Prenda do Barcelona rejeitada

«Estamos de parabéns. É verdade que não jogaram muitos elementos importantes do Barcelona, mas também não jogaram alguns nossos», salientou Jorge de Jesus, considerando que os espanhóis tiveram «mais posse de bola», mas «sem objectividade nenhuma». Continuou: «Em jogo jogado, foi o Benfica o melhor. Devíamos ter marcado em algumas das oportunidades que tivemos. Agora, o Benfica é uma das equipas que tem uma palavra a dizer em relação ao vencedor da Liga Europa.»

Foi-se a Liga dos Campeões, segue-se a segunda prova europeia. Se continuar neste ritmo, mais vale estar calado.



publicado por António Castro às 12:50
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 5 de Dezembro de 2012
Desculpas de mau perdedor

O Sporting de Braga nem a honra do convento conseguiu salvar. Uma vitória sobre o Galatazaray na Pedreira permitia arrecadar alguns euros e nada mais do que isso, mas serviria para amenizar participação desastrosa na Liga dos Campeões.

Os portugueses tem por hábito, após os sorteios das provas internacionais, considerar acessível qualquer adversário. Parecem alheios ao momento actual do futebol, em que subiu o nível da maioria dos clubes, alguns curiosamente com o contributo de jogadores portugueses.

Sucedem-se, no final, as desilusões e as desculpas que não convencem ninguém.

«Não nos queremos agarrar à infelicidade, mas este jogo reproduz um pouco a nossa campanha na Champions. Perdemos por infortúnio. Aquilo que fizemos era suficiente para termos vencido, pelas oportunidades criadas e pelo controlo do jogo, com excepção do início da segunda parte. A partir da igualdade, controlámos outra vez. É injusto este resultado.» Que poderá acrescentar José Peseiro dos restantes cinco encontros e do facto da equipa somar no total “míseros” 3 pontos?

Certamente nada que valha a pena ouvir.



publicado por António Castro às 23:30
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 4 de Dezembro de 2012
Sorteio pode "corrigir" Paris

O FC Porto, apesar da confiança demonstrada ao longo dos últimos dias, saiu de Paris com uma derrota e deixou para o Paris Saint-Germain o primeiro lugar do grupo da Liga dos Campeões.

Depois do desaire em Braga Vítor Pereira não encontrou solução para bater a milionária equipa da capital francesa, embora estivesse mais de 30 minutos em igualdade no marcador, resultado que o mantinha no topo.

Os detalhes do jogo, no entanto, jogaram a seu desfavor, em especial na deficiente intervenção de Helton no remate decisivo de Lavezzi. Ao primeiro tento de Thiago Silva responde respondeu Jackson com o empate passados quatro minutos ainda antes do intervalo. Depois já faltou discernimento para reagir a segunda desvantagem.

«Viemos com a expectativa de ficar em primeiro lugar, mas não foi possível. Foi um jogo difícil. Tivemos alguns momentos de qualidade e outros em que não conseguimos suster o PSG. O segundo lugar não era o nosso objectivo, mas há que viver com isso e partir para a fase seguinte acreditando na nossa qualidade e que será possível continuar na Liga dos Campeões».

Palavras de Vítor Pereira, que desta vez não arranjou desculpas esfarrapadas. A compensação pode surgir no sorteio, pois alguns dos possíveis adversários são acessíveis ao melhor FC Porto.



publicado por António Castro às 23:37
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 3 de Dezembro de 2012
Cruyff demitido no México

Johan Cruyff, um dos maiores inimigos de José Mourinho, tem andado muito calado sobre o português. Desde Fevereiro anda pelo México a tentar impor as suas teorias expressas na imprensa, no desempenho das funções de consultor técnico do Chivas de Guadalajara.

A avaliar pelo recente comunicado do popular clube mexicano conclui-se que a antiga vedeta holandesa, como futebolista e treinador, tem agora menos sucesso na prática do que nos aspectos teóricos.

Os dirigentes do Chivas explicaram em comunicado, sem rodeios, os motivos da sua dispensa: «O clube decidiu terminar o contrato de serviços e assessoria com Johan Cruyff, por não ter alcançado os resultados e objectivos definidos desde o início da relação contratual.»

Apenas se salvou o treinador John Vant Schip, antiga estrela do Ajax e do Barcelona, que tinha acompanhado o compatriota para a América Central.

No regresso a Espanha, continuarão as diatribes de Cruyff contra Mourinho, agora que o português surge mais vulnerável no Real Madrid.



publicado por António Castro às 20:15
link do post | comentar | favorito

Domingo, 2 de Dezembro de 2012
Cristiano incomoda espanhóis

Tudo o que seja português incomoda toda a gente ligada ao desporto em Espanha, esteja ou não ligado ao futebol.

Num lance do recente Real Madrid-Atlético de Madrid, um futebolista dos merengues fez uma corrida que impressionou os observadores e foi explorada pela comunicação social local.

Cristiano Ronaldo correu 96 metros em cerca de10 segundos e acabou por atirar a bola ao poste da baliza dos colchoneros. Seria o seu segundo tento do jogo, mas as atenções centraram-se na corrida do jogador e logo foi associado – indevidamente, claro - ao jamaicano Usain Bolt, recordista mundial em provas de velocidade e detentor de diversas medalhas olímpicas.

Pior do que isso, fizeram comparações com o atleta Angel David Rodríguez, recordista espanhol com o tempo de 10,14 e com duas presenças nos Jogos Olímpicos.

Dito isto, surgiram ataques a Cristiano Ronaldo, inocente na discussão, pois a polémica nasceu dos comentaristas.

Passos Coelho, responsável pela abolição do feriado do 1.º Dezembro, em nada ajudou a crise portuguesa nem ganhou sequer a simpatia dos espanhóis por Portugal.

Parabéns ao primeiro-ministro…



publicado por António Castro às 20:06
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Sábado, 1 de Dezembro de 2012
Treinador do Arsenal lança alerta

Arsène Wenger, treinador do Arsenal, foi a primeira voz, pelo menos que se saiba, a contestar a ideia de Michel Platini aumentar a Liga do Campeões para 64 clubes e acabar com a Liga Europa.

O argumento do técnico francês, há muitos anos ao serviço dos gunners, mostra-se realista na análise aos prováveis reflexos negativos em termos competitivos e financeiros.

«Não estou convencido, porque a Liga dos Campeões já tem problemas em encher estádios na fase de grupos», referiu. Além disso considerou que as alterações em estudo pela UEFA iriam «retirar uma parte do interesse nas primeiras fases».

Dado o silêncio que se fez em torno das revelações do presidente da UEFA, muita gente deve pensar que o futebol continuará a ser a galinha dos ovos de ouro e nada sofrerá com a crise europeia.



publicado por António Castro às 18:26
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12

14
15
17
18
19
20

21
23
25
26
27

28
29
30


artigos recentes

Final triste de um jogo d...

José Mourinho dá lições e...

Vitória sobre Itália anim...

Génio de CR7 salva selecç...

Benfica termina com tabu

"Saco de gatos" no Sporti...

Barcelona portentoso

Vergonha no futebol portu...

Chefe, Sempre

Casillas e o... Natal

arquivos

Junho 2015

Outubro 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

tags

académica(19)

adeus(12)

alterações(8)

alvalade(25)

apuramento(17)

arbitragem(26)

arsenal(8)

barcelona(25)

belenenses(12)

benfica(196)

bento(13)

blatter(9)

braga(101)

brasil(12)

campeão(11)

campeões(36)

carvalhal(8)

castigo(8)

chelsea(11)

clubes(16)

costinha(11)

cr7(16)

crise(22)

cristiano(12)

cristiano ronaldo(18)

demissão(8)

derrota(12)

desilusão(18)

desporto(16)

diferenças(8)

dirigentes(14)

dragão(29)

dragões(19)

eleições(12)

empate(15)

espanha(22)

espectáculo(11)

estoril(15)

estreia(9)

europa(39)

fc porto(116)

fcporto(17)

fifa(16)

final(9)

fpf(8)

futebol(840)

gil vicente(9)

goleada(20)

guimarães(30)

inglaterra(10)

inter(17)

itália(9)

jesualdo(15)

jesualdo ferreira(9)

jesus(29)

jogadores(8)

jogos olímpicos(9)

jorge jesus(15)

jornalistas(8)

leixões(9)

leões(16)

liedson(10)

liga(43)

luz(15)

madrid(24)

manchester(11)

manchester united(10)

marítimo(14)

messi(8)

milhões(8)

mourinho(73)

mundial(17)

nacional(9)

nani(9)

olhanense(9)

pacenses(11)

paciência(12)

paulo bento(16)

pinto da costa(12)

platini(9)

portugal(25)

presidente(13)

queirós(20)

quique flores(8)

real madrid(10)

regresso(12)

salários(9)

salvador(14)

selecção(81)

setúbal(10)

sofrimento(16)

sporting(189)

surpresa(31)

surpresas(9)

taça(19)

taça da liga(10)

transferências(10)

treinador(25)

treinadores(17)

uefa(25)

todas as tags

links