Análise das questões do desporto e, em especial do futebol, feita por António Castro, agora mais distante dos centros de decisão, ao contrário do que aconteceu durante 40 anos ao serviço do extinto «Mundo Desportivo» e do «Diário de Notícias»

Sexta-feira, 13 de Dezembro de 2013
Madeirenses seguram ponto em Coimbra

Académica e Marítimo abriram a 13.ª jornada da I Liga com mais um empate. Makelele colocou os estudantes em vantagem na primeira parte, mas Derlei fixou o nulo final de um jogo de luta mas sem grandes motivos de interesse. Excepção aos golos, ambos de cabeça e a iludir quase da mesma maneira os guarda-redes.

Os treinadores, no entanto, tiveram opiniões diferentes, como se tivessem assistido a dois jogos.

Sérgio Conceição considerou: «Era um jogo complicado. Na segunda parte soltámo-nos um pouco mais e a grande oportunidade para desempatar a partida é nossa, mas penso que o resultado é justo.»

Pedro Martins não tem dúvidas: ««Não foi um bom resultado porque fomos superiores durante os 90 minutos. Dominámos em toda a linha, tivemos mais posse de bola e mais oportunidades. Fizemos um jogo absolutamente fabuloso

Quem está a exagerar?



publicado por António Castro às 23:46
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Segunda-feira, 26 de Agosto de 2013
Trio de ataque não perdoa

Jackson, Licá e Josué são sempre influentes nas vitórias do FC Porto. Rematam certeiro, marcam penalties e fazem assistências decisivas. Não são as únicas unidades influentes na equipa, mas complementam com grande percentagem de êxito a produção dos companheiros.

Mais uma vitória por 3-0, desta feita na visita do Marítimo ao Dragão, que antes derrotara o Benfica no Funchal.

No futebol utiliza-se muito o conceito que «uma equipa só joga o que a outra deixa jogar». Os madeirense no Porto estiveram em noite não, mas sobram motivos para dizer que os pupilos de Paulo Fonseca foram os principais responsáveis. Panorama oposto aconteceu há oito dias, pois nem Marítimo nem Benfica conseguiram libertar-se da mediania.

Conclusão: os lisboetas da Luz têm razão para se mostrarem preocupados.



publicado por António Castro às 17:18
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Segunda-feira, 19 de Agosto de 2013
Benfica treme na Madeira

Uma derrota na primeira jornada não é resultado que comprometa as aspirações do Benfica, tanto mais que o Marítimo se transformou em algo mais do que uma equipa apenas para se manter na I Liga. Presidente e treinador têm mais ambições.

As preocupações dos encarnados remontam à época passada. Não conquistar um título importante, manter em "banho maria" por tantos meses o caso de indisciplina de Óscar Cardoso e, finalmente, uma pré-época pouco animadora contribuíram para que a derrota no Funchal se transformasse num acontecimento.

E mais: Jorge de Jesus passou, curiosamente em período de defeso, de bestial a besta. Logo na estreia do campeonato colocaram em causa as suas opções quanto à integração de alguns elementos, numa fase em que a maioria dos plantéis procuram a estabilização.

O ambiente começa a aquecer na Luz e alguém terá de tomar uma atitude drástica, seja o presidente ou o treinador, sob pena de tornar o balneário num "saco de gatos".



publicado por António Castro às 17:13
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Terça-feira, 18 de Dezembro de 2012
Xandão inventa um ponto

O Sporting comprometeu, desde já, um sucesso na última prova que, teoricamente, tinha ao alcance.

Pela segunda vez consecutiva como anfitrião do Marítimo, agora evitou a derrota mas voltou a não ganhar. O tento inaugural de Wolfswinkel foi insuficiente para a viragem que os leões esperam com desespero. Deixaram-se ultrapassar pelos madeirenses e foi preciso Xandão saltar do banco para obter o nulo a três minutos do final.

O defesa teve no guarda-redes Marcelo Boeck um bom aliado para impedir que as esperanças na Taça da Liga ficassem quase comprometidas. Os restantes elementos da equipa pouco contribuíram para a conquista do ponto.

Franky Vercautern voltou a realçar os problemas da equipa ao considerar: «Estamos a sofrer demasiados golos. Acho que podemos fazer muito melhor. Damos demasiados brindes e depois é difícil dar a volta. Temos de melhorar defensivamente.»

Talvez com o propósito de avisar o novo manager-treinador sugeriu: «Acho que precisamos de férias para arejar a cabeça e remodelar a equipa com alguns jogadores.»

Solução de certeza insuficiente para debelar em definitivo a prolongada crise em Alvalade.



publicado por António Castro às 22:22
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Domingo, 16 de Dezembro de 2012
Cardozo! Cardozo! Cardozo!

O paraguaio do Benfica nunca teve a simpatia da totalidade dos adeptos do Benfica. Mas os eternos críticos renderam-se ao seu índice de eficácia com o hat-trick alcançado na vitória (4-1) de sábado sobre o Marítimo.

A história do jogo não se resumiu a esta proeza do actual melhor marcador da Liga, porque a equipa consentiu o primeiro golo do jogo – situação a repetir-se com demasiada frequência – e os encarnados, além do tento do empate de Cardozo, não aproveitaram outras oportunidades flagrantes.

Depois do descanso, a equipa de Pedro Martins foi incapaz de segurar a maré ofensiva da Luz e o “dom” do mal-amado da Luz.

Jorge de Jesus elogiou naturalmente o trabalho do jogador e fez uma análise sobre as suas características que deve ser relembrada: «Cardozo é um jogador que deixa às vezes os adeptos nervosos, especialmente quando sai da área, fora do habitat dele. Mas dentro da área faz muitos golos… Quando sai dessa zona, para fazer as ligações do ataque, é um dos seus pontos fracos. Mas se não fosse assim era o melhor ponta-de-lança do mundo. Tempos de desculpar essas situações.»

A opinião de quem trabalha todos os dias com o jogador.



publicado por António Castro às 20:48
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Quinta-feira, 22 de Novembro de 2012
Portugueses sem estofo para a Europa

A Académica empata (1-1) com os checos do Viktoria Plzen em Coimbra e o treinador Pedro Emanuel afirma: «Temos dado espectáculo.» De nada valeu, pois a Briosa ficou condenada disputar apenas as provas caseiras.

O Marítimo não perde (1-1) na deslocação a Newcastle e Pedro Martins considera: «Foi uma noite épica.» Fraca consolação, pois a Liga Europa acabou em pesadelo.

O Sporting foi a vergonha da jornada internacional. Goleado (3-0), teve uma despedida penosa da competição. O técnico Franky Vercauteren não pode esconder a crise que se prolonga em Alvalade. «Estou muito desapontado com a forma como jogámos. Não houve qualidade suficiente.»

Nem eventual brilharete na Taça da Liga salvaria uma temporada desastrosa.

O Sporting teve um... Natal prematuro com a crise mais aguda de sempre.



publicado por António Castro às 23:33
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Sexta-feira, 9 de Novembro de 2012
Coimbra teve mais encanto na Europa

Dos clubes portugueses na Liga Europa, a Académica foi o único que não desiludiu. O Atlético de Madrid, detentor do título, apresentou-se em Coimbra sem alguns dos principais jogadores e Pedro Emanuel aproveitou bem a “oferta” de Diego Simeone. Dois golos de Wilson Eduardo, o segundo marcado depois do intervalo, de grande penalidade, resolveu o jogo a favor dos estudantes, uma estreia 43 anos depois da última presença numa prova europeia,

O treinador dos colchoneros reconheceu o mérito do êxito da Briosa, que acabou por ser uma excepção do trio de Portugal.

O Sporting sofreu muito com o Genk. Além do valor do antagonista, Franky Vercautern ainda não libertou os leões da pressão psicológica, apesar da produção no regresso das cabinas ter melhorado em comparação com os últimos jogos.

Alvalade, no entanto, adiou a conquista de um resultado positivo. Resistiu a importante contrariedade – expulsão de Schaars -, mas Wolfswinkel marcou quatro minutos depois. No entanto, Rui Patrício, que tanto defendeu ao longo do encontro, foi menos feliz no remate de Plet e os sportinguistas ofereceram o empate ao Genk.

A viagem do Marítimo a Bordéus teve como aspecto principal o golo dos franceses. O espectáculo foi fraco e a derrota condenou praticamente os madeirenses.

Situação comum ao Sporting e Académica.



publicado por António Castro às 23:45
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Sexta-feira, 26 de Outubro de 2012
Europa madrasta para portugueses

Sporting, Marítimo e Académica de Coimbra estão a comprometer a continuidade no apuramento na Liga Europa, e a perder terreno em relação aos clubes participantes na época passada em termos de pontos para o ranking de Portugal.

Os leões tinham muitas esperanças na deslocação a Genk. Schaars marcou bastante cedo, mas na segunda parte tornou-se evidente que acabariam por ceder face ao sentido de objectividade dos belgas. O novo treinador de Alvalade, Franky Vercauteren, certamente ficou preocupado com as deficiências da equipa, neste momento sem confiança nem táctica.

Os madeirenses conquistaram o primeiro ponto na prova. Estiveram seis minutos em desvantagem ainda antes do intervalo, mas não tiveram talento para superar os franceses, na próxima jornada anfitriões do Marítimo.

A Académica teve um sorteio teoricamente menos favorável no regresso europeu. O Atlético de Madrid prescindiu de Falcão, mas nunca esteve em causa terem equipa melhor apetrechada. A Briosa, no entanto, continuou a lutar e ainda obteve, embora tardiamente, o golo de honra.

Enfim, uma jornada pouco auspiciosa, a condizer com o panorama do País.



publicado por António Castro às 23:46
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Quinta-feira, 20 de Setembro de 2012
Europa madrasta para portugueses

Jornada cinzenta para os clubes a disputar a fase de grupos da Liga Europa. Sporting e Marítimo, apoiados pelo seu público, não foram além de empates a zero. A estreia da Académica na prova saldou-se por derrrota comprometedora, apesar de Pedro Emanuel ter sonhado com o tento inaugural de Wilson Eduardo. Mas tudo mudou com a reacção dos checos do Viktoria Plsen que valeu três golos.

Alvalade viu um Sporting ainda sem encontrar os elementos ideais para um meio-campo criativo e com Capel e Carrillo laboriosos nas alas mas sem oferecerem oportunidades de golo a Wolkswingel, também pouco certeiro a aproveitar as geniais assistências do russo Ismailov. Além disso, a expulsão de Xandão a seguir ao intervalo complicou uma manobra muito "mastigada".

Pela frente teve uma equipa bem estruturada, tanto na defensiva como na pressão em zonas adiantadas, e intencional e rápida quando se aproximava da baliza de Rui Patrício. Para sorte de Sá Pinto desaproveitaram alguns lapsos dos defesas leoninas e depararam com um guarda-redes com mais uma exibição segura.

O  Marítimo não se inferiorizou perante os ingleses do Newcastle, mas não teve talento para se colocar em vantagem para a viagem a Inglaterra. Até nos remates aos postes se verificou uma igualdade, tal como o numero de remate foi quase idêntico.

Em suma: os adversários dos portugueses - em golos ou porque ainda receberão Sporting e Marítimo - ficaram optimistas em acrescentarem os três pontos nesses jogos.

Cabe aos portugueses aumentarem os níveis de competitividade e atenuar os estragos desta jornada.



publicado por António Castro às 22:48
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Quinta-feira, 30 de Agosto de 2012
Goleada em Alvalade apenas moraliza

O Sporting conseguiu a qualificação para a fase de grupos da Liga Europa com uma goleada. O ciclo negativo do início da temporada foi apenas interrompido, pois a oposição oferecida pelo Horsens justifica mais a fraqueza do conjunto nórdico do que a consolidação de processos da equipa de Sá Pinto.

A satisfação do treinador, jogadores e adeptos mostra-se legítima, mas os leões têm de confirmar em testes mais difíceis que podem discutir em pé de igualdade com as melhores equipas portuguesas e, além disso, ultrapassar aquelas que se diz não serem do mesmo campeonato mas tem contribuído para épocas frustrantes dos sportinguistas.

O Marítimo demonstrou no terreno do Dila Gori que a vitória tangencial no Funchal não foi um acidente. Marcou dois golos na Geórgia e manteve-se em prova sem oscilações profundas de rendimento.

Seis equipas portuguesas nas competições europeias. É obra!



publicado por António Castro às 23:45
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Terça-feira, 21 de Agosto de 2012
Seis empates na estreia

Beira-Mar e Académica de Coimbra pode considerar-se um dos encontros mais emotivos da abertura da Liga, não propriamente pelo nível do futebol praticado, mas pelo facto dos visitados terem chegado à vantagem de três golos no início da segunda parte e consentirem um empate em Aveiro.

Depois da derrota com o FC Porto, em que perderam a Supertaça, os estudantes pareciam condenados a novo e volumoso desaire.

Puro engano. A jogar  mais de 80 minutos com dez unidades, por expulsão de João Real ao cometer uma falta que proporcionou o primeiro golo dos aveirenses, o técnico Pedro Emanuel viu avolumar-se negativamente o marcador.

Inesperadamente, em 21 minutos, aconteceu a reviravolta, com golos de Cissé e Edinho (2).

Desolação de Ulisses Morais e do avançado Camará, também marcador de dois tentos que acabaram por valer apenas um ponto.

Assim terminou uma jornada com seis empates, pois apenas Olhanense e Marítimo conseguiram somar os três pontos com vitórias tangenciais. Pouco vulgar, tanto mais que os clubes mais credenciados - FC Porto, Benfica, Sporting de Braga e Sporting - figuram entre os "empatas".



publicado por António Castro às 22:19
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Segunda-feira, 5 de Dezembro de 2011
Holandeses imitam Liedson

 

Wolkswinkel e Shaars, num período de 16 minutos da segunda parte, marcaram os golos que deram ao Sporting a passagem aos quartos-de-final da Taça de Portugal.

Na primeira parte foram os azuis do Restelo, liderados por José Mota, que estiveram mais perto de marcar, baseado nos princípios do experimentado técnico: segurança nos sectores recuados e velocidade no contra-ataque. Expediente que perturbou os jogadores de Alvalade.

Cinco minutos depois do reatamento, os holandeses de verde deram a machadada nas aspirações do Belenenses. Constituem a segunda edição de Liedson - resolvem!

Afastados FC Porto, Benfica, Braga e Guimarães, o Sporting terá a visita do Marítimo e Domingos Paciência defende que os leões ainda não são favoritos à conquista da prova.

«Só somos os principais candidatos - refere -se ganharmos nos quartos-de-final. Aí sim... Com os jogos das meias-finais disputados a duas mãos as nossas possibilidades são maiores.» Acentua: «Esta competição não é fácil. As equipas pequenas estão a mostrar-se muito competitivas. Vejamos que só este jogo e o Marítimo-Benfica é que não foram a prolongamento. Temos de acreditar ser possível chegar às meias-finais. Chegar ao Jamor? Ainda faltam três jogos...»



publicado por António Castro às 23:07
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Quinta-feira, 22 de Julho de 2010
Marítimo aproveita Europa

Duas vitórias por resultado idêntico (3-2) abriram as portas da terceira eliminatória da Liga Europa ao Marítimo. Os irlandeses do Sporting Fingal, apesar de acessíveis, denunciaram que a equipa de Van der Gaag, como será lógica quando se está na pré-época, ainda precisa de muito trabalho e elevar os níveis de concentração. Estar em vantagem de dois golos no campo do adversário e permitir-lhe certas veleidades indiciam que os madeirenses confiaram em demasia, disposição muitas vezes fatal em futebol.

No seu caminho estarão de novos britânicos, os galeses do Bangor City, e o técnico do Marítimo, crítico sobre a maneira como a equipa sofreu dois golos, exigirá maior pressão aos jogadores, para evitar surpresa desagradável.

Satisfeito ficou na véspera Paulo Sérgio pela atitude do Sporting em Boston, no jogo particular com o Celtic. Os escoceses ficaram com o troféu no desempate por grandes penalidades (Liedson foi o único a falhar!), mas os lisboetas terão encontrado novos rumos de confiança e de manobra colectiva.

Os dois próximos jogos (Manchester City e Tottenham) nos Estados Unidos devem oferecer indicações sobre o seu «estado anémico» em comparação com o passado recente.

 



publicado por António Castro às 23:54
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Sexta-feira, 26 de Março de 2010
Que mais irá acontecer?

O Sporting está, realmente, em ano não.

De memória será arriscado enumerar todos os problemas - e contradições - assinaladas desde que José Eduardo Bettencourt - pura coincidência, certamente - assumiu a liderança do clube.

A deslocação à Madeira ofereceu mais razões para transformar a realidade verde (de esperança) em tons  de negro (luto).

Realmente só faltava que um jogador pago a peso de ouro em Janeiro, atendendo às possibilidades do comprador, depois de longa ausência por lesão e adaptação à equipa, marcasse um golo na própria baliza e abrisse as portas - merecidamente, como reconheceu o treinador Carlos Carvalhal - à vitória da equipa dirigida por Van der Gaag.

Pongolle não entrou em boa hora em Alvalade, clube a viver tempo de vacas magras, por descontrolo nas «rações».

Enquanto toda a gente suspira por Maio na esperança de ver um Sol radioso e tempo seco, os sportinguistas anseiam por uma pausa no sofrimento.

Pelo menos isso, já que as perspectivas quanto ao futuro continuam a não ser nada animadoras, face a um clima cada vez mais tenso e ao avolumar das indecisões.



publicado por António Castro às 23:55
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|  O que é?

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12

14
15
17
18
19
20

21
23
25
26
27

28
29
30


artigos recentes

Madeirenses seguram ponto...

Trio de ataque não perdoa

Benfica treme na Madeira

Xandão inventa um ponto

Cardozo! Cardozo! Cardozo...

Portugueses sem estofo pa...

Coimbra teve mais encanto...

Europa madrasta para port...

Europa madrasta para port...

Goleada em Alvalade apena...

arquivos

Junho 2015

Outubro 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

tags

académica(19)

adeus(12)

alterações(8)

alvalade(25)

apuramento(17)

arbitragem(26)

arsenal(8)

barcelona(25)

belenenses(12)

benfica(196)

bento(13)

blatter(9)

braga(101)

brasil(12)

campeão(11)

campeões(36)

carvalhal(8)

castigo(8)

chelsea(11)

clubes(16)

costinha(11)

cr7(16)

crise(22)

cristiano(12)

cristiano ronaldo(18)

demissão(8)

derrota(12)

desilusão(18)

desporto(16)

diferenças(8)

dirigentes(14)

dragão(29)

dragões(19)

eleições(12)

empate(15)

espanha(22)

espectáculo(11)

estoril(15)

estreia(9)

europa(39)

fc porto(116)

fcporto(17)

fifa(16)

final(9)

fpf(8)

futebol(840)

gil vicente(9)

goleada(20)

guimarães(30)

inglaterra(10)

inter(17)

itália(9)

jesualdo(15)

jesualdo ferreira(9)

jesus(29)

jogadores(8)

jogos olímpicos(9)

jorge jesus(15)

jornalistas(8)

leixões(9)

leões(16)

liedson(10)

liga(43)

luz(15)

madrid(24)

manchester(11)

manchester united(10)

marítimo(14)

messi(8)

milhões(8)

mourinho(73)

mundial(17)

nacional(9)

nani(9)

olhanense(9)

pacenses(11)

paciência(12)

paulo bento(16)

pinto da costa(12)

platini(9)

portugal(25)

presidente(13)

queirós(20)

quique flores(8)

real madrid(10)

regresso(12)

salários(9)

salvador(14)

selecção(81)

setúbal(10)

sofrimento(16)

sporting(189)

surpresa(31)

surpresas(9)

taça(19)

taça da liga(10)

transferências(10)

treinador(25)

treinadores(17)

uefa(25)

todas as tags

links
Visitas
Adicionar as contagens de 2008 a 2012 - 59512