Análise das questões do desporto e, em especial do futebol, feita por António Castro, agora mais distante dos centros de decisão, ao contrário do que aconteceu durante 40 anos ao serviço do extinto «Mundo Desportivo» e do «Diário de Notícias»
Terça-feira, 30 de Junho de 2009
Espanha e Portugal - os contrastes do futebol

A capital espanhola viveu um fim de tarde fora do habitual. Mais de 50 mil pessoas acorreram ao Estádio Santiago Bernabéu para vitoriarem Kaká, a primeira grande aquisição de Florentino Perez para o Real Madrid «Galáctico II».

O recente vencedor da Taças das Confederações, sempre com um sorriso nos lábios, foi vitoriado até ao delírio e correspondeu a essa onda de euforia com breves palavras, as primeiras de saudação aos adeptos merengues em castelhano, e depois, ao confessar o orgulho de vestir a mítica camisola branca com o número oito e garantir o maior empenho na conquista de vitórias, em português com sotaque do Brasil.

O dia de loucura de Madrid contrastou com a notícia divulgada em Portugal da despromoção à II Divisão do Estrela da Amadora por não cumprir o exigível nos regulamentos para a inscrição na I Liga.

O expediente do presidente António Salvador em criar uma SAD «à pressão» não parece ter sensibilizado  aos dirigentes da Liga, e aguarda-se pelo veredicto do Conselho de Justiça da Federação.

Enquanto a inscrição de mais dois clubes ficaram pendentes da entrega de documentes, o Belenenses tem a porta entreaberta para, pela segunda vez em quatro anos, garantir a permanência na I Liga por via administrativa. 



publicado por António Castro às 23:54
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Segunda-feira, 29 de Junho de 2009
Palhaços só no circo

A história repete-se. Todos os futebolistas que se têm transferido para o Benfica e Sporting (neste caso ainda em número reduzido), e aqueles que aspiram seguir esses caminhos, afinam pelo mesmo discurso

Conhecem perfeitamente os futuros clubes, dos "melhores do mundo", e garantem que com a sua participação o titulo de campeão será uma realidade no final da nova temporada. Por favor, poupem-nos a estas banalidades.

Todos têm o direito - e até o dever, dadas as verbas envolvidas - de ser ambiciosos. Aceita-se que devem ser portadores de uma mensagem de esperanças para adeptos sequiosos de vitórias.

Mudem, no entanto, de discurso, pois este já enjoa. Sejam, inclusive, realistas- As condicionantes ao longo de uma temporada são tantas, vários os factores a determinar o rendimento das equipas e dos próprios jogadores, que estas promessas representam uma ofensa par quem sabe pensar pela sua cabeça.

Os palhaços são bem-vindos apenas no circo.



publicado por António Castro às 23:58
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Domingo, 28 de Junho de 2009
EUA e África do Sul surpreendem no futebol

Os espanhóis sofreram inesperado dissabor, dado o optimismo da comunicação social, dos jogadores e dos adeptos, convencidos ser possível manter estatuto historicamente impossível.

Luis Aragonês tinha construído uma selecção supostamente invencível e Vicente del Bosque era um sucessor credenciado, desejoso de ajustar contas com certos detractores, pelo incompreensível despedimento do Real Madrid após a conquista de um título de campeão.

Afinal, a selecção rosa tece de contentar-se com o terceiro lugar, muito sofrido, dado ter de recorrer a prolongamento para assegurar o terceiro lugar na discussão com a África do Sul.

Os brasileiros de Dunga concederam cedo uma vantagem de dois golos ao conjunto dos Estados Unidos  - adversário de má memória para os portugueses no Mundial da Coreia do Sul/Japão - e podem agradecer a Fabiano, em dia de inspiração, ser o responsável directo pelo empate. Lúcio acabou por garantir o título, quando já se aguardava o prolongamento.

As surpresas e, mais do que isso, confirmações de evolução consistente, foram os Estados Unidos e a África do Sul, no pressuposto que tanto o Brasil como a Espanha tem um lugar seguro na hierarquia mundial.

A curiosidade será ver se, no próximo ano, norte-americanos e os anfitriões africanos mantêm a mesma embalagem no Campeonato do Mundo.  



publicado por António Castro às 23:54
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Sábado, 27 de Junho de 2009
Futebol vai por maus caminhos

O ambiente que envolve o futebol português, ou melhor, a educação dos adeptos de importantes clubes lançaram mais uma pedra no charco da indisciplina.

Aconteceu numa partida em que estava em jogo um título entre jovens com idades a rondar os 18 anos. Os desacatos verificados na Academia de Alcochete não são admissíveis em qualquer circunstância, mas a situação surge mais grave quando se enfrentam jogadores no último ano de formação.

Este comportamento de adeptos, embora em minoria, coloca de novo em causa a existência oficial das claques e a brandura dos agentes da autoridade, reflexo da normal acusação de abuso de autoridade. E aqueles de que são acusados? De nada.

Assim se conclui das declarações de responsáveis dos dois clubes em causa, que se apressaram a tecer acusações ao adversário, quando deviam tentar perceber o que se passa em sua própria casa.

É altura de reflectir e agir em conformidade, não de recriminações. Razão porque as palavras de Rui Costa soaram a falso ao atribuir a responsabilidade total ao Sporting. Defender desta maneira os adeptos do seu clube de sempre não se esperava de um homem com o perfil impoluto do antigo "maestro".



publicado por António Castro às 23:57
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Sexta-feira, 26 de Junho de 2009
Estrela da Amadora no clube dos milionários

Dentro de dias será decidido pela Liga de Clubes quais os clubes que cumpriram os requisitos para participar nos campeonatos profissionais - I Liga e Liga de Honra.

A expectativa adensa-se face ao que se passou na época passada, na qual foram conhecidas situações de incumprimento à Segurança Social e às Finanças, além dos vergonhosos casos de salários em atraso.

As últimas horas foram dramáticas para alguns dirigentes, como aconteceu com o presidente do Estrela, António Salvador, que só no limite do prazo apresentou documentação que considera suficiente para manter os amadorenses na prova.

A oficialização de uma SAD, que se diz estar prevista há tempos, na qual o clube detém 40 por cento do capital (400 mil euros) e o restante pertence a vários indivíduos, alguns membros da direcção, foi um recurso na tentativa de ultrapassar a crítica situação.

A decisão tem de estar de acordo com os preceitos regulamentos. Se apontaram para a permanência do clube entre os profissionais, será uma injustiça para jogadores que conquistaram os pontos suficientes para manter o Estrela na I Liga e viram-se obrigados a rescindir os contratos por muitos meses de salários em atraso, que certamente nunca mais entrarão nos seus bolsos.

Agora, pelos vistos, surge quase um milhão de euros, quando há meses não havia nem um tostão dos antigos...



publicado por António Castro às 23:55
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Quinta-feira, 25 de Junho de 2009
Quem levou o Boavista à ruína?

O Boavista divulgou que não partacipará nos campeonatos profissionais da próxima época devido à extinção do Procedimento Extra-Judicial de Conciliação (PEC), aceite em 2008 por entidades credoras, nomeadamente Segurança Social e Finanças.

Mais um clube com pergaminhos que caminha para o abismo e passa a viver da recordação de ser um dos cinco clubes, desde sempre, a ter o nome na lista dos vencedores do campeonato principal português, como acontece com  Benfica, FC Porto Sporting e Belenenses.

Esta situação não é inédita e, infelizmente, deve repetir-se a breve passo, mas não deve deixar insensível os amantes do futebol, não apenas pelo desaparecimento de emblemas com história. Se contarmos os estádios construídos para o Europeu agora praticamente sem actividade de alto nível e, um deles, quase desactivado, concluímos que os investimentos de há mais de cinco anos em nada beneficiaram a modalidade.

Não se vislumbra, entretanto,  a intenção de chamar à responsabilidade os culpados pela situação catastrófica a que chegaram estas colectividades. Existiram nalguns casos, certamente, gestões danosas passíveis de ser exemplarmente punidas. Nada disto aconteceu pelo simples risco inerente a qualquer negócio.

 Se é necessário um exemplo, pensem só no que aconteceu com certos bancos.



publicado por António Castro às 23:56
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Quarta-feira, 24 de Junho de 2009
Lança em África da selecção dos EUA

Os campeões europeus tinham batido um recorde - 15 jogos a ganhar - e levavam 35 sem perder. Vicente del Bosque mostrara-se um sucessor à altura de Luis Aragonês, responsável pelo título continental conquistado há um ano no Suíça/Áustria.

«Não há bem que sempre dure, nem mal que nunca acabe», frase da sabedoria do povo.

 A Espanha teve o seu dia não nas meias-finais da Taça das Confederações, a decorrer na África, e foi eliminada por um dos adversários menos previsíveis - a selecção dos Estados Unidos da América.

Dois golos deitaram por terra os sonhos dos nossos vizinhos peninsulares e falharam aquilo que já tinham como uma certeza: a presença na final a medir forças com o Brasil ou a África do Sul.

O treinador Vicente del Bosque e os seus pupilos nem sequer podem queixar-se de influências estranhas ao jogo. Devem elogiar os adversários e, eventualmente, culpar-se por terem menosprezado um adversário que não figurava em lugares de destaque do ranking, convencidos que a sua marcha triunfal do último ano acabaria por resolver qualquer contrariedade.

Todos sabem que o futebol é pródigo nestas surpresas. Coube aos norte-americanos serem novas estrelas em África...



publicado por António Castro às 23:55
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Terça-feira, 23 de Junho de 2009
Presidente não precisa de ser ditador

Concretizou-se o divórcio. O Vitória de Guimarães despediu o treinador. Consequência de uma entrevista que Manuel Cajuda concedeu a O Jogo e na qual não poupou críticas à orientação imprimida ao clube, nos últimos tempos, pelo presidente Emílio Macedo.

Sempre defendemos que qualquer funcionário de uma empresa não deve divulgar na praça pública eventuais problemas internos de uma empresa - clube neste caso -, a menos que os responsáveis da entidade patronal se mostrem irredutíveis em ouvir aqueles que podem contribuir para o seu sucesso.

Desprezar opiniões, apenas porque pertencem a elementos de hierarquia inferior, e fazer tábua rasa de conselhos válidos, não dignificam os patrões, pelo contrário conduzem-nos a tempos em que imperava a ditadura.

Emílio Macedo optou, a avaliar pela sucessão de acontecimentos, por despedir quem ousou contrariá-lo, e isso demonstra o seu perfil como homem e gestor.

Felizmente, ainda há neste país pessoas da têmpera de Manuel Cajuda. Bem haja.



publicado por António Castro às 23:59
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|  O que é?

Segunda-feira, 22 de Junho de 2009
UEFA só pensa nos clubes poderosos

O Paços de Ferreira não ficou satisfeito com o sorteio da Liga Europa, dado que qualquer dos possíveis adversários são representantes de países muito distantes.

O presidente do clube pacense, Fernando Sequeira, além de outras considerações, levantou um problema preocupante: "A viagem a Leste pode ser um desastre financeiro".

Num complicado sistema de apuramento, cujas receitas não se afiguram importantes na fase inicial da prova, a UEFA não teve o cuidado de acautelar os aspectos financeiros dos concorrentes que, em número apreciável, vivem com dificuldades.

Além de extensa e pouco aliciante no aspecto desportivo, a segunda prova europeia deveria ter em atenção estes aspectos negativos, mesmo sob pena de ser menos "global" nas deslocações, isto é, atender numa primeira fase a questões geográficas.

Michel Platini, na ânsia de contemplar o maior número de clubes, não tem sido feliz nas inovações, incluindo na Liga dos Campeões, cujo próprio nome já não faz sentido, pois engloba equipas que nunca venceram qualquer título no respectivo país.

Consequência das cedências aos clubes mais poderosos, sem atender aos problemas dos mais modestos e à importante componente da verdade desportiva. 



publicado por António Castro às 23:57
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Domingo, 21 de Junho de 2009
Sachi e Queirós com processos distintos

Arrigo Sachi, apesar do afastamento da selecção italiana da Taça das Confederações, recusa as críticas de que deveria ter já procedido a um rejuvenescimento da equipa que conquistou o título mundial em 2006 e foi suplantado pela Espanha em 2008, sob o comando de Donadoni.

 Defende que a inclusão dos valores que despontam em Itália deve fazer-se gradualmente na squadra azzurra, sob pena da sua descaracterização, com eventuais riscos para a evolução dos jovens futebolistas e desequilíbrios profundos no conjunto.

Estes princípios contrastam, em certa medida, com os processos de trabalho de Carlos Queirós à frente da equipa representativa de Portugal, bem mais ousado do que o conceituado treinador de terras transalpinas.

Sem o propósito de fazer juízos de valor sobre as duas opções, importa sobretudo meditar nos reflexos que qualquer delas pode ter no nível das exibições das respectivas selecções, em especial sabendo-se que Portugal tem um calendário de acesso à fase final do Mundial da África do Sul de alto risco.

  

 

 



publicado por António Castro às 23:56
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Sábado, 20 de Junho de 2009
Adriano Galliani "finta"" Pinto da Costa

Num ápice, as conversações entre o FC Porto e o Lyon para a transferência de Aly Cissokho foram interrompidas. Apareceu na Cidade Invicta Adriano Galliani, o homem de mão de Silvio Berlusconi, e o negócio ficou fechado com o Milan por um valor a rondar os 15 milhões de euros. Nem toda a verba entraria nos cofres portistas, já que o passe do jogador, segundo se disse, não lhe pertencia na totalidade.

O defesa francês, cuja cotação subiu em flecha durante seis meses no Dragão (fora comprado ao Vitória de Setúbal por 300 mil euros) seguiu de imediato para Itália e afim de se sujeitar aos exames médicos e exultava com o novo rumo da sua vida profissional.

Aconteceu, no entanto, o imprevisível. Os clínicos do clube italiano detectaram problemas num dente do siso do futebolista, consideraram que o problema podia ter consequências no seu desempenho em termos musculares, e Galliani aprestou-se a anular o pré-acordo. Mesmo assim, aceitava o jogador por empréstimo, mas perante a intransigência dos portistas, desinteressou-se do negócio  com a desculpa de que tinha no plantel muitos elementos para o lugar...

Será que a propalada amizade de Pinto da Costa e Galliani continuará incólume. O presidente portista manteve-se calado neste processo, mas cremos que o italiano não ficará a rir-se por muito tempo.

 



publicado por António Castro às 23:52
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Sexta-feira, 19 de Junho de 2009
Luís Filipe Vieira não evita contestação

Luís Filipe Vieira antecipou as eleições previstas para Outubro a fim de  impedir a continuação de uma campanha contra o clube, segunda as suas palavras.

O presidente do Benfica deseja, em suma, um clima de tranquilidade no início de uma época, crucial para o futebol da Luz depois do despedimento de Quique Flores, da polémica contratação de Jorge Jesus e da premente necessidade de impedir o FC Porto de conseguir novo penta.

Uma estratégia criticada por alguns associados - natural num clube que o próprio presidente considera bastante democrático - e que não parece ter resultado em pleno.

O simples "não" de José Eduardo Moniz em aceitar o convite de um movimento da oposição bastou para que se criasse um clima de crispação, com críticas mútuas e envolvendo até o nome de terceiros, no caso o de Rui Costa.

Agora surge a notícia de que um tal Adolfo Pereira, ex-presidente do Salgueiros e apoiante do pré-candidato Bruno Carvalho, apresentou uma providência cautelar com o objectivo de anular a decisão de Manuel Vilarinho e manter as eleições em 3 de Outubro.

A paz entre os encarnados mostra-se precária a poucos dias do acto eleitoral. Duvida-se que as eleições antecipadas alterem substancialmente o panorama.

Ao contrário do que se pensa, os resultados previsíveis das eleições não colocarão um travão às críticas. Só as vitórias da equipa de futebol calarão os contestatários. 



publicado por António Castro às 23:53
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Quinta-feira, 18 de Junho de 2009
Egipto contraria "ranking" da FIFA

A África do Sul foi palco de contrastes nos dois jogos da Taça das Confederações.

O Brasil deu um ar da sua graça no segundo encontro do grupo, com vitória expressiva sobre a selecção norte-americana. Os canarinhos ofereceram uma imagem mais consentânea com o eterno estatuto de favoritos, e Kaká e companheiros mostraram um futebol eficaz, próximo do espectáculo.

Mais tarde, um "escândalo" foi protagonizado pelos egípcios, que por pouco tinham imposto, há dias, um empate aos canarinhos. Desta feita derrotaram os campeões do mundo. Um golo marcado antes do intervalo aos comandados de Arrigo Sachi foi suficiente para contrariar os prognósticos.

A squadra azzurra esteve longe de demonstrar o seu potencial, apesar da pressão na parte final do jogo. Nalguns lances a pontaria não foi a mais perfeita, noutros impôs-se um guarda-res (El Hadarei) em tarde de grande inspiração. Como acontece com frequência, a Itália passará uns dias intranquilos até à decisão com o Brasil.

PS - A FIFA garante que o "penalty" da derrota dos egípcios com o Brasil se ficou a dever a obervação directa do quarto árbitro. Joseph Blatter, no entanto mandou retirar das linhas laterais todas as televisões, para evitar deficientes interpretações sobre os recursos ao dispor dos auxiliares da arbitragem.



publicado por António Castro às 23:54
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

Quarta-feira, 17 de Junho de 2009
Luz já tem o "salvador"

Acabou o "filme criado pelos jornalistas" e confirmou-se o enredo anunciado há semanas.

Jorge de Jesus (autor daquela acusação) é o substituto de Quique Flores como treinador do Benfica. Sucessão atribulada, primeiro pelas exigências apresentadas pelo espanhol para sair antes do final do contrato. Mais tarde pela imposição do presidente do Sporting de Braga em receber o valor estipulado com o seu treinador, caso este resolvesse abandonar o cargo antes do termo do contrato.

Reconheça-se que estas negociações, desde o despedimento de Quique à contratação de Jesus, decorreram da maneira que não contribuiu para dignificar qualquer das partes. Louve-se, no entanto, o final pacífico, sem litígio.

Jorge Jesus, cumprindo o dever de qualquer treinador que entre na Luz, para mais em vésperas de eleições em que importa sufragar mais um mandato de Luís Filipe Vieira, já prometeu títulos. E, muito ao seu estilo, mandou recados para o balneário.

Com um percurso de sucesso no Belenense e em Braga, o técnico deverá ser suficientemente inteligente para compreender que encontrará na Luz um novo mundo no que respeita à mentalidade e experiências de alguns jogadores.

Sem tacto, atingir os objectivos tornar-se-à mais distante.



publicado por António Castro às 23:54
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|  O que é?

Terça-feira, 16 de Junho de 2009
Desempregado envia currículo a clubes

Os salários em atraso dos futebolistas contribuíram com muitas notícias na útima temporada em Portugal, e clubes houve que, cumprido o campeonato, ficaram sem a maioria dos jogadores, que rescindiram por justa causa e ficaram sem emprego e sem dinheiro.

Se o defeso tem sido agitado por transferências milionárias, culminadas com a de Cristiano Ronaldo para o Real Madrid, que encheu os bolsos ao Manchester United, é na Inglaterra que acontece um jogador no desemprego distribuir o seu currículo por diversos clubes, na tentativa de suscitar o interesse no seu concurso.

O internacional Michael Owen representava o Newcastle, agora despromovido ao escalão secundário e a atravessar grave crise financeira. O  jogador, de 29 anos, com um passado brilhante, embora marcado nos últimos tempos por inúmeros lesões, ainda não recebeu qualquer proposta  e o seu agente resolveu agir como qualquer outro trabalhador. Elaborou um dossier detalhado (34 páginas) sobre a carreira e qualidades do jogador e a garantia de ainda ter potencialidades para pisar os relvados como profissional.

A crise instalou-se em todos os países e sectores de actividade, mas continua a atingir apenas alguns.



publicado por António Castro às 23:56
link do post | comentar | favorito
|  O que é?

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12

14
15
17
18
19
20

21
23
25
26
27

28
29
30


artigos recentes

Final triste de um jogo d...

José Mourinho dá lições e...

Vitória sobre Itália anim...

Génio de CR7 salva selecç...

Benfica termina com tabu

"Saco de gatos" no Sporti...

Barcelona portentoso

Vergonha no futebol portu...

Chefe, Sempre

Casillas e o... Natal

arquivos

Junho 2015

Outubro 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

tags

académica(19)

adeus(12)

alterações(8)

alvalade(25)

apuramento(17)

arbitragem(26)

arsenal(8)

barcelona(25)

belenenses(12)

benfica(196)

bento(13)

blatter(9)

braga(101)

brasil(12)

campeão(11)

campeões(36)

carvalhal(8)

castigo(8)

chelsea(11)

clubes(16)

costinha(11)

cr7(16)

crise(22)

cristiano(12)

cristiano ronaldo(18)

demissão(8)

derrota(12)

desilusão(18)

desporto(16)

diferenças(8)

dirigentes(14)

dragão(29)

dragões(19)

eleições(12)

empate(15)

espanha(22)

espectáculo(11)

estoril(15)

estreia(9)

europa(39)

fc porto(116)

fcporto(17)

fifa(16)

final(9)

fpf(8)

futebol(840)

gil vicente(9)

goleada(20)

guimarães(30)

inglaterra(10)

inter(17)

itália(9)

jesualdo(15)

jesualdo ferreira(9)

jesus(29)

jogadores(8)

jogos olímpicos(9)

jorge jesus(15)

jornalistas(8)

leixões(9)

leões(16)

liedson(10)

liga(43)

luz(15)

madrid(24)

manchester(11)

manchester united(10)

marítimo(14)

messi(8)

milhões(8)

mourinho(73)

mundial(17)

nacional(9)

nani(9)

olhanense(9)

pacenses(11)

paciência(12)

paulo bento(16)

pinto da costa(12)

platini(9)

portugal(25)

presidente(13)

queirós(20)

quique flores(8)

real madrid(10)

regresso(12)

salários(9)

salvador(14)

selecção(81)

setúbal(10)

sofrimento(16)

sporting(189)

surpresa(31)

surpresas(9)

taça(19)

taça da liga(10)

transferências(10)

treinador(25)

treinadores(17)

uefa(25)

todas as tags

links
Visitas
Adicionar as contagens de 2008 a 2012 - 59512